Entre ideologia e representação

Dayanne Dockhorn Seger

Resumo


O presente artigo apresenta os contrastes entre a ideologia criada ao redor das mulheres atenienses - expressa em discursos de autores antigos, como os de Xenofonte e Aristóteles - e a representação feminina em vasos cerâmicos decorados dos séculos VI, V e IV a. C., da região da Ática – analisando cenas que demonstram a presença feminina fora do espaço demarcado dos discursos e realizando todo o tipo de atividades na pólis ateniense. Ambas as análises, tanto da documentação textual, como da iconografia vascular, são feitas de forma a criticar a postura acadêmica que por muito tempo apresentou a situação das mulheres atenienses de maneira marginalizada.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.