História e Literatura: reflexões sobre a República em Esaú e Jacó

William Gaia Farias

Resumo


Atualmente, a literatura é um tipo de fonte bastante utilizado por historiadores, pois pode possibilitar uma série de interpretações a respeito de relações sociais tecidas em diferentes contextos históricos. Os literatos, através de seus escritos expressam as aflições, dilemas e impasses vivenciados por sujeitos e grupos sociais em diversas situações, além de possibilitar o entendimento sobre modos de vida, costumes e visões de mundo de grupos sociais. Como um breve exercício a respeito do uso da literatura, enquanto fonte, propomos a análise da obra Esaú e Jacó, no sentido de abrir campos interpretativos sobre a Proclamação da República no Brasil, e especificamente, na sociedade carioca, diante da transição de regime político processado no final do sec. XIX.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.