Jürgen Habermas: Teoria crítica e democracia deliberativa

Clodomiro José Bannwart Júnior, João Evanir Tescaro Júnior

Resumo


O artigo objetiva estudar o caráter e as propostas da Teoria Crítica e a sua relação com a teoria democrática de Habermas. Primeiramente, é analisada a metodologia crítica aberta por Marx, o seu desenvolvimento pela primeira geração da Escola de Frankfurt e o modelo reconstrutivo de Teoria Crítica de Habermas. Nesse último, desenvolve-se a compreensão das idéias de reconstrução racional, competência comunicativa e pragmática universal da linguagem. Num segundo momento, busca-se mostrar como Habermas compreende o projeto da modernidade e a sua proposta teórica de reestruturação deste projeto. Nesse contexto, o estudo desloca-se para a apreensão de alguns aspectos da teoria política e jurídica habermasiana. Por fim, analisa-se a proposta habermasiana de democracia deliberativa, a qual tem o seu fundamento numa ética discursiva e na existência de direitos e princípios fundamentais garantidores da formação discursiva da opinião e da vontade.

Palavras-chave


Teoria crítica; democracia deliberativa; Habermas

Texto completo:

PDF

Referências


ARAGÃO, Lúcia Maria de Carvalho. Habermas: filósofo e sociólogo do novo tempo. Rio de

Janeiro: Tempo Brasileiro, 2002.

ARAÚJO, Luiz Bernardo Leite. Pluralismo e justiça: estudos sobre Habermas. São Paulo:

Edições Loyola, 2010.

AVRITZER, Leonardo. 1999. Teoria crítica e teoria democrática. Revista Novos Estudos

CEBRAP, n.53: 167-188.

BANNWART JÚNIOR, Clodomiro José. O Direito e as Humanidades. Folha de Londrina,

10.09: 2-2, 2009.

BECKER, Laércio Alexandre. O Direito na Escola de Frankfurt: balanço de uma desconfiança.

In: BECKER, Laércio Alexandre (org). A Escola de Frankfurt no Direito. Curitiba: EDIBEJ:

1999a.

BRONNER, Stephen Eric. Da teoria crítica e seus teóricos. Campinas: Papirus, 1997.

BRÜSEKE, Franz Josef. A técnica e os riscos da modernidade. Florianópolis: Editora da UFSC,

CAVALCANTE, Alberto Rocha. O projeto da modernidade em Habermas. Londrina: UEL,

COMPARATO, Fábio Konder. Ética: direito, moral e religião no mundo moderno. São Paulo:

Companhia das Letras, 2006.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir: nascimento da prisão. Petrópolis: Vozes, 1987.

FRANKENBERG, Günter. Teoria crítica. In: FRANKENBERG, Günter; MOREIRA, Luiz

(orgs.). Jürgen Habermas, 80 anos: direito e democracia. Rio de Janeiro: Lúmen Juris, 2009.

FREITAG, Bárbara. A teoria crítica: ontem e hoje. São Paulo: Brasiliense, 1986.

FREITAG, Bárbara. Dialogando com Jürgen Habermas. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 2005.

GEUSS, Raymond. Teoria crítica: Habermas e a Escola de Frankfurt. Campinas: Papirus, 1988.

GRENZ, Stanley J. Pós-modernismo: um guia para entender a filosofia do nosso tempo. São

Paulo: Vida Nova, 2008.

HABERMAS, Jürgen. A inclusão do outro: estudos de teoria política. 3.ed. São Paulo: Edições

Loyola, 2007.

HABERMAS, Jürgen. A lógica das ciências sociais. Petrópolis: Vozes, 2009a.

HABERMAS, Jürgen. Consciência moral e agir comunicativo. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro,

HABERMAS, Jürgen. Direito e democracia: entre facticidade e validade (tomo I). Rio de

Janeiro: Tempo Brasileiro, 1997a.

HABERMAS, Jürgen. Direito e democracia: entre facticidade e validade (tomo II). Rio de

Janeiro: Tempo Brasileiro, 1997b.

HABERMAS, Jürgen. Ensayos políticos. Barcelona: Península, 1988.

HABERMAS, Jürgen. La necesidad de revisión de la izquierda. Madrid: Tecnos, 1996.

HABERMAS, Jürgen. O discurso filosófico da modernidade. São Paulo: Martins Fontes, 2000.

HABERMAS, Jürgen. On the pragmatics of communication. Cambridge, Massachusetts: The

MIT Press, 1998.

HABERMAS, Jürgen. Passado como futuro. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1993.

HABERMAS, Jürgen. Teoría de la acción comunicativa (tomo I). Madrid: Taurus, 1999.

HABERMAS, Jürgen. Teoria y práxis: estúdios de filosofia social. Madrid: Tecnos, 2008.

HABERMAS, Jürgen. Uma conversa sobre questões da teoria política. Novos Estudos CEBRAP,

n.47: 85-102, 1997c.

HABERMAS, Jürgen. Verdade e justificação: ensaios filosóficos. 2.ed. São Paulo: Edições

Loyola, 2009b.

HORKHEIMER, Max. 2002. Eclipse da razão. São Paulo: Centauro.

HORKHEIMER, Max; ADORNO, Theodor W. Dialética de la ilustración: fragmentos

filosóficos. Madrid: Trotta, 1998.

LUCHI, José Pedro. A superação da filosofia da consciência em J. Habermas: a questão do

sujeito na formação da teoria comunicativa da sociedade. Roma: Editrice Pontifica Università

Gregoriana, 1999.

MACCARTHY, Thomas. La teoria crítica de Jürgen Habermas. Madrid: Tecnos, 2002.

MARCUSE, Hebert. El hombre unidimensional: ensayo sobre la ideologia de la sociedad

industrial avanzada. Barcelona: Planeta-Agostini, 1993.

NIKLAS, Luhmman. Introdução à teoria dos sistemas. Petrópolis: Vozes, 2009.

NOBRE, Marcos. Introdução: modelos de teoria crítica. In: NOBRE, Marcos (org.). Curso livre

de teoria crítica. Campinas: Papirus. 2008a. pp. 9-20.

NOBRE, Marcos. Introdução. In: NOBRE, Marcos; TERRA, Ricardo (orgs.). Direito e

democracia: um guia de leitura de Habermas. São Paulo: Malheiros, 2008b. pp. 15-35.

OLIVEIRA, Mafredo A. de. Reviravolta lingüístico-pragmática na filosofia contemporânea. São

Paulo: Edições Loyola, 2006.

REPA, Luiz. A transformação da filosofia em Jürgen Habermas: os papéis de reconstrução,

interpretação e crítica. São Paulo: Esfera Pública, 2008a.

REPA, Luiz. Jürgen Habermas e o modelo reconstrutivo de teoria crítica. In: NOBRE, Marcos

(org.). Curso livre de teoria crítica. Campinas: Papirus, 2008b. pp. 161-182.

SIEBENEICHLER, Flávio B. Encontros e desencontros no caminho da interdisciplinaridade: G.

Gusdorf e J. Habermas. Revista Tempo Brasileiro, n.98 (jul.-set.): 153-180, 1989.

SILVA, Felipe Gonçalves. A solidariedade entre público e privado. In: NOBRE, Marcos;

TERRA, Ricardo (orgs.). Direito e democracia: um guia de leitura de Habermas. São Paulo:

Malheiros, 2008. pp. 91-115.

SOUZA, José Crisóstomo (org.). Filosofia, racionalidade, democracia: os debates Rorty &

Habermas. São Paulo: UNESP, 2005.

STEUERMAN, Emilia. Os limites da razão: Habermas, Lyotard, Melanie Klein e a

racionalidade. Rio de Janeiro: Imago, 2003.

WELLMER, Albrecht. Sobre la dialéctica de modernidad y posmodernidad: la crítica de la

razón después de Adorno. Madrid: Visor, 1993.

WOLKMER, Antonio Carlos. Introdução ao pensamento jurídico crítico. São Paulo: Saraiva,




DOI: https://doi.org/10.22409/conflu12i2.p123

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Confluencias



A Revista Confluências é Qualis B1.

Esta revista encontra-se indexada em:

 

Resultado de imagem para bielefeld base