DORT’S: doenças osteomusculares relacionadas aos trabalhadores de pedreira

Andressa Souza Fernandes, Renata Rodrigues Campos, Fábio Luiz Fully Teixeira, Rosana Therezinha Queiroz Oliveira, Thais Cristina Vargas Garrido

Resumo


Resumo: As Lesões por Esforços Repetitivos (LER) ou como designados mais recentemente como Distúrbios Osteomusculares Relacionados do Trabalho (DORT). Os trabalhadores de pedreira, em especial, se submetem todos os dias a trabalhos que exigem muito esforço, por isso são mais suscetíveis a desenvolver algum tipo de DORT, principalmente se não tiver acesso a equipamentos adequados de prevenção a atividade física exercida. Chegou-se a conclusão que os trabalhadores de pedreiras desconhecem a doença DORT e os meios de prevenção, o que aponta para a necessidade de todos os trabalhadores conhecerem a importância da postura correta, do cuidado ao praticar esforço e a utilização de equipamentos de proteção e a fim de amenizar a incidência de casos. O objetivo deste trabalho teve a finalidade de identificar o conhecimento dos trabalhadores de pedreira sobre a doença ocupacional (DORT) e seus mecanismos de prevenção.

Palavras-chave: DORT; LER; Trabalhador, Pedreira.


Texto completo:

PDF

Referências


BARBOSA, M. S. A.; SANTOS, TREZZA, R. M.; FIGUEIREDO, M. C. S. A vida do trabalhador antes e após a Lesão por Esforço Repetitivo (LER) e Doença Osteomuscular Relacionada ao Trabalho (DORT). Rev. bras. enferm. [online]. 2007, vol.60, n.5, pp.491-496. ISSN 0034-7167. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672007000500002.

BRUNA VARELLA, M. H. Lesões por esforços repetitivos (L.E.R. / D.O.R.T.). Disponível em: . Acesso em: 24 jul. 2017.

CHIAVEGATO FILHO, L. G.; PEREIRA JR., A. Work related osteomuscular diseases: multifactorial etiology and explanatory models, Interface - Comunic., Saúde, Educ., v.8, n.14, p.149-62, set.2003-fev.2004.

DUNCAN, B. B.; SCHMIDT, M. I.; GIUGLIANI, E. R. J. DUNCAN, M. S.; GIUGLIANI, C.; Medicina ambulatório: Condutas de atenção primária baseadas em evidencias. 4ª ed. Editora Artmed, p.1294-1306, 2013.

MERLO, A. R. C.; JACQUES, M. G. C. & HOEFEL, M. G. L. Trabalho de Grupo com Portadores de Ler/Dort: Relato de Experiência. Psicologia: Reflexão e Crítica, 2001, 14(1), pp 253-258.

MONTEIRO, A. L.; BERTAGNI, R. F. S. Acidentes do Trabalho e Doenças Ocupacionais: conceito, processos de conhecimento e de execução e suas questões polêmicas. 2. ed. Editora Saraiva, p. 60-75, 2000.

NOGUEIRA, R.; BENETTI; F. A. Principais queixas osteomusculares em músicos da região do ABC paulista: um estudo de prevalência. ABCS Health Sci. 2016; 41(1):40-45. DOI: http://dx.doi.org/10.7322/abcshs.v41i1.844.

NOVAES, A. C. Histórico de o fenômeno LER/DORT. Disponível em: . Acesso em: 25 jul. 2017.

OLIVEIRA, R. M. R.; FREITAS, C. M. A abordagem das lesões por esforços repetitivos/distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho - ler / dort no centro de referência em saúde do trabalhador do Espírito Sant, 2001 - crst/es.. Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/5091. Acesso em: 25 jul. 2017.

RAMAZZINI, B.; As doenças dos trabalhadores; tradução de Raimundo, E.; Morbis, A. D. 4. ed. Editora São Paulo, p.299-310, 2016.

ROSA, A. F. L; GARCIA, P.; ALMEIDA, T. V.; CAMPOS, R. G.; LOPES, M. S. Incidência de LER/DORT em trabalhadores de enfermagem. Acta Sci. Health Sci. Maringá, v. 30, n. 1, p. 19-25, 2008.

TEIXEIRA, M. J. Dor: manual para o clinico. Editora Atheneu, p. 401-410, 2007.




DOI: https://doi.org/10.22409/engevista.v20i3.10306

Apontamentos

  • Não há apontamentos.