AVALIAÇÃO DE CORRELAÇÕES DE DIÂMETRO HIDRÁULICO EM DUTOS ANULARES

Eduardo Cunha Paraiso, Luís Américo Calçada, Deividson Silveira Santos, Edilson Adrião Cabral, Caroline Eulino Pereira, Cláudia Miriam Scheid

Resumo


Nos projetos hidráulicos de poços de petróleo, os fluidos de perfuração e completação circulam em regiões anulares. Dentre os fatores que influenciam o cálculo da perda de carga, nestas regiões, o diâmetro hidráulico é determinante. O objetivo deste trabalho foi de avaliar correlações de diâmetro hidráulico utilizando fluidos Newtonianos. Quatro correlações de diâmetro hidráulico foram analisadas e uma metodologia experimental é apresentada para o cálculo do diâmetro hidráulico experimental. Além da análise com fluidos Newtonianos, um estudo de caso é realizado com resultados do escoamento de pasta de cimento, um fluido não-Newtoniano utilizado na cimentação de poços de petróleo. Neste caso a correlação de diâmetro hidráulico desenvolvida é avaliada frente às demais. A correlação experimental demonstrou boa concordância, apresentando um menor erro percentual no estudo de caso com a pasta de cimento e uma maior estabilidade.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/engevista.v15i3.455

Apontamentos

  • Não há apontamentos.