ESTIMATIVA DA VIABILIDADE ECONÔMICA DA PRODUÇÃO DE BRIQUETES A PARTIR DE RESÍDUOS DE GRÃOS BENEFICIADOS

Fabiano Vicente Figueira, Ana Paula Martinazzo, Carlos Eduardo de Souza Teodoro

Resumo


A geração de energia a partir da queima de biomassa é uma prática quase tão antiga quanto à humanidade, porém a utilização de biomassa residual do beneficiamento de grãos como fonte energética é um procedimento bem mais recente e pouco difundido. O presente trabalho busca avaliar financeiramente a alternativa de se compactar tais resíduos na forma de briquetes, um produto substituto à lenha, como fonte combustível para geração de calor. O estudo do processo de briquetagem foi realizado em uma fábrica que utiliza resíduos provenientes de unidades de pré-processamento de milho, soja e trigo, na qual se realizou o levantamento de seus custos e indicadores econômicos, no intuito determinar se o negócio praticado tem sido de fato rentável ou não. Para uma vida útil de 10 anos do empreendimento e a taxa mínima de atratividade do investidor de 10% ao ano foi encontrado o valor presente líquido de R$ 98.793,73, índice do valor atual de 1,01 e taxa interna de retorno de 11,77% ao ano. Considerou-se, para a situação avaliada, que o investimento na produção de briquetes de resíduos do beneficiamento de grãos, é economicamente viável.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/engevista.v17i1.638

Apontamentos

  • Não há apontamentos.