CLARIFICAÇÃO DE EFLUENTE PROVENIENTE DE UMA AGROINDÚSTRIA DO OESTE CATARINENSE UTILIZANDO EXTRATO DE ACÁCIA NEGRA (Acácia mearnsii) COMO COAGULANTE

Aniela Pinto Kempka, Ana Paula Dariff, Alana Caroline Milan Damo

Resumo


: O consumo e, por consequência, a industrialização de alimentos crescem cada vez mais com o passar dos anos, e com isso, a geração de efluentes agroindustriais também se intensifica. Estes efluentes devem ser tratados e dentre os tratamentos químicos convencionais, tem-se a coagulação/floculação, onde são utilizados sais de ferro e alumínio, que tornam o lodo, obtido de efluentes submetidos a estes tratamentos, impróprio para ser disposto no ambiente. Como alternativa, tem-se os coagulantes naturais, oriundos de plantas, como o extrato de Acácia Negra (Acácia mearnsii). O objetivo deste trabalho foi determinar a melhor concentração de coagulante e verificar a influência da velocidade de agitação rápida, velocidade de agitação lenta, tempo de agitação rápida e tempo de agitação lenta na clarificação do efluente e no volume de sólidos decantados, utilizando a técnica de planejamento de experimentos. Os percentuais de clarificação do efluente foram de 56,20% e 56,53% para as diluições de 1% e 2% do extrato Acácia Negra, respectivamente. A combinação adequada da velocidade de agitação rápida e da velocidade de agitação lenta contribui para o aumento da decantação de sólidos e que o tempo de agitação rápida e o tempo de agitação lenta dentro da faixa testada, não apresentaram efeito estatístico significativo (p>0,05)

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/engevista.v19i1.800

Apontamentos

  • Não há apontamentos.