DIAGNÓSTICO ESTRATÉGICO DE PROPRIEDADES AGRÍCOLAS FAMILIARES: ESTUDO DE CASOS EM ORIXIMINÁ (PARÁ)

Kayo Vinicius Machado Romay, José Carneiro Viana Júnior, Leonardo da Silva Hamacher, Marcelo de Lima Souza, Dirlane de Fátima Carmo

Resumo


Neste trabalho buscou-se avaliar a viabilidade da utilização do diagnóstico por meio de matriz estratégica como uma ferramenta que auxiliasse a identificar alternativas para o desenvolvimento local de uma atividade. O trabalho foi realizado em propriedades de agricultores familiares que comercializavam olerícolas em Oriximiná (Pará), sendo selecionados pelo método não-probabilístico de amostragem por julgamento. Os dados foram obtidos em campo por meio de entrevista, sendo montada matrizes SWOT que foram compiladas em uma matriz de análise estratégica apontando o potencial ofensivo e defensivo e a vulnerabilidade e debilidade dos empreendimentos perante a si mesmos e ao mercado. Pelo potencial ofensivo encontrado verificou-se que a atividade agrícola nestas propriedades é promissora, alcançando um valor em torno de 77% do potencial máximo, destacando-se a oferta de produtos diversificados e a adoção da tecnologia PAIS (Produção Agroecológica Integrada Sustentável). As debilidades no sistema que devem ser foco de estratégias são o investimento do poder público em assistência técnica para capacitar os produtores a utilizarem equipamentos e adotarem manejo adequado, seja para adaptação às dificuldades impostas pelo clima ou para agregar valor, bem como atender à legislação ambiental, permitindo maior retorno do investimento.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/engevista.v19i2.840

Apontamentos

  • Não há apontamentos.