AVALIAÇÃO DA TÉCNICA DE INJEÇÃO DE CORRENTE NO DIAGNOSTICO DE CORROSÃO EM ESTRUTURAS ENTERRADAS

Leonardo Henrique Lopes da Silva Oliveira, José Maurilio Silva, Ana Rute Figueiredo de Sousa, José Carlos de Araujo Cardoso Filho, Antonio Adelmo Freire Beserra, Rui Sergio Monteiro Medeiros, Regina do Socorro Melo Amaral

Resumo


A corrosão constitui uma das principais causas de deterioração de equipamentos e estruturas metálicas no solo e estudos anteriores demonstram que é possível a mensuração de sua tendência e/ou grau através de técnicas eletroquímicas. Neste trabalho foi realizada uma avaliação da técnica de injeção de corrente no diagnostico de corrosão em estruturas enterradas onde se concluiu quea caracterização eletroquímica pelas curvas de Tafel, embora eficiente para fazer estudos comparativos entre desempenhos corrosivos de materiais, não é ideal para amostras contendo elevada concentração de produtos de corrosão adsorvido em sua superfície, como é o caso de diversas estruturas enterradas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/engevista.v20i5.9522

Apontamentos

  • Não há apontamentos.