A FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS PARA A PROMOÇÃO DA ALFABETIZAÇÃO EM NUTRIÇÃO NO ENSINO FUNDAMENTAL II: POSSIBILIDADES E LIMITES

valéria Brumato Regina Fornazari, Ana Tiyomi Obara

Resumo


A saúde e a nutrição humana são componentes básicos da qualidade de vida e temas essenciais para o Ensino de Ciências. Diante disso, o presente trabalho objetivou identificar eanalisar como a temática nutrição e alimentação humana, pautada na organização do ensino por meio de oficinas pedagógicas embasadas nos pressupostos da proposta CTS/A, pode contribuir para a formação inicial de professores de Ciências para a prática da alfabetização em nutrição, no Ensino Fundamental II. Para tanto, foi realizada a análise das concepções prévias e estado nutricional de alunos do Ensino Fundamental II, bem como a formação de um grupo reflexivo, na disciplina de Estágio Supervisionado com 12 licenciandos de ciências biológicas, que subsidiaram a organização de sete (7) oficinas pedagógicas para os alunos do ensino fundamental II sobre a temática. Os resultados indicam que o trabalho teórico-prático desenvolvido na disciplina de Estágio Supervisionado fomentou a formação de professores para a prática da alfabetização científica em nutrição; porém, sinalizaram ainda que a promoção de práticas pedagógicas diferenciadas ainda é pouco frequente na formação inicial de professores, sendo necessária maior vivência dessas nesse processo como forma de promover a formação de professores que possam atender a demanda atual do ensino.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/resa2019.v12i2.a21614

Apontamentos

  • Não há apontamentos.