As ciências da emoção estão impregnadas de política? Catherine Lutz e a questão do gênero das emoções

Vinciane Despret

Resumo


O texto apresenta uma reflexão pautada na articulação entre emoção e ciência. Sendo esta possível ao deslocar o entendimento sobre o fenômeno das emoções distante do familiar, onde este é pensado como fenômeno pouco racional. Ao centrar atenção no trabalho da etnopsicóloga Catherine Lutz sobre as emoções dos habitantes da ilha Ifaluk, o texto apresenta outra perspectiva sobre as emoções e sobre o processo de pesquisa: articulando emoção à política, propondo a construção do problema junto com o conhecimento do campo de pesquisa e dando ao pesquisador a possibilidade de transformação no processo da investigação.

Palavras-chave


emoção; pesquisa; política

Texto completo:

PDF

Referências


ABU-LUGHOD, L. Shifting politics in bedouin love poetry. In: LUTZ, C.; ABU-LUGHOD, L. (Ed.). Language and the politics of emotions. Cambridge: Cambridge University, 1990. p. 24-45.

LUTZ, C. Parental goals, ethnopsychology and the development of emotional meanings. Ethos, [S.l.], v. 11, n. 4, p. 246-263, 1983.

LUTZ, C. The domain of emotions word on Ifaluk. In: HARRÉ, R. (Ed.). The social construction of emotions. Oxford: Basill Blackwell, 1986. p. 267-288.

LUTZ, C. Unnatural Emotions: everyday sentiments on a Micronesian atoll and their challenge to western theory. Chicago: University of Chicago, 1988.

LUTZ, C. Morality, domination and understandig of “justifiable anger” among the Ifaluk. In: SEMIN, G.; GERGEN, K. Everyday understanding. Londres: Sage, 1990. p. 204-226.

LUTZ, C. Culture and consciousness: a problem in the anthropology of knowledge. In: KESSEL, F. S.; COLE, P. M.; JOHNSON, D. L. (Ed.). Self and Consciousness. Hillsdale, NJ: Lawrence Erlbaum Associates, 1992. p. 64–87.

TAYLOR, C. Sources of the Self: the making of the modern identity. Cambridge, Mass: Harvard University Press, 1989.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

 

Apoio:



Indexadores:



Arquivamento:



Facebook: