O neutro em psicanálise: da técnica à ética

Carolina Rodrigues Alves de Souza, Daniel Menezes Coelho

Resumo


O presente artigo retoma a noção de neutralidade proveniente da técnica clínica psicanalítica, confrontando-a com noções próximas, tais como a neutralidade científica e o neutro na semiologia de Barthes. Procuramos demonstrar como tal noção descreve bem a postura analítica, exigida tanto do paciente (associação livre) quanto do analista (atenção flutuante), e como ela nasce na prática clínica freudiana, respondendo a problemas decorrentes dela. Assim, abordaremos os temas da hipnose e da sugestão, como também aqueles ligados à contra-transferência. Defenderemos, ainda, que a neutralidade não é apenas questão de técnica, mas é central para o entendimento da própria ética da psicanálise.


Palavras-chave


Psicanálise; neutralidade; técnica; ética

Texto completo:

PDF

Referências


ASSOUN, P. L. Metapsicologia freudiana: uma introdução. Rio de Janeiro: Zahar, 1995.

BARTHES, R. O Neutro. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

BARTHES, R.. Leçon. Paris: Seuil, 1978.

CALVINO, I. O livro da natureza em Galileu. In: ______. Por que ler os clássicos. São Paulo: Companhia das Letras, 1985. p. 89-95.

COELHO, D. M. Sobre a questão de uma Weltanschauung: entre delírio e conhecimento. Cadernos UFS: Psicologia, São Cristóvão, v. 9, n. 2. p. 7-21, 2007.

FREUD, S. Estudos sobre a histeria (1893-1895). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v. 2. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. A interpretação dos sonhos (1900). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v. 4-5. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. Artigos sobre técnica (1911–1915[1914]). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996c. v. 12, p. 111-230. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. Além do princípio do prazer (1920). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v. 18, p. 11-85. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. Carta 69 (1897). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v. 1, p. 350-351. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. Psicologia de grupo e análise do ego (1921). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v. 18, p. 77-154. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. Construções em análise (1937). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v. 23. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. Um estudo autobiográfico (1925[1924]). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v. 20. Edição Standard Brasileira.

FREUD, S. O mal-estar na civilização (1930). In: ______. Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996. v.21, p. 73-171. Edição Standard Brasileira.

LACAN, J. O seminário: O eu na teoria de Freud e na técnica da psicanálise (1954-1955). Rio de Janeiro: Zahar, 1985. Livro 2.

LACAN, J. O seminário: A transferência (1960 - 1961). Rio de Janeiro: Zahar, 1992. Livro 8.

LACAN, J. O seminário: O ato psicanalítico (1967 – 1968). Rio de Janeiro: Zahar, 1992. Livro 15. Inédito.

LAPLANCHE, J.; PONTALIS, J. B. Vocabulário de psicanálise. 4 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2001. Tradução Pedro Tamen.

MAGNO, M. D. A natureza do vínculo: Seminário 1993. Rio de Janeiro: Imago, 1994.

MAGNO, M. D. Pshychopatia Sexualis: Seminário 1996. Santa Maria: UFSM, 2000.

MEZAN, R. Freud: a trama dos conceitos. 4. ed. São Paulo: Perspectiva, 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

 

Apoio:



Indexadores:



Arquivamento:



Facebook: