Sobre o uso da sublimação como instrumento para uma "metapsicologia da arte"

Marcel Santiago Soares, Daniel Menezes Coelho

Resumo


Neste artigo investigaremos a noção freudiana de sublimação e seu uso como mecanismo explicativo para os processos artísticos. Notaremos que, pela sua construção, aliás, confusa e carente de formalização conceitual, é impossível separar a sublimação do campo clínico no qual nasce e no qual encontra sua potência, como descrição de uma vicissitude e de uma possibilidade de lidar com a pulsão. Dessa forma, proporemos uma delimitação de qualquer “metapsicologia da arte” como instrumento clínico, antes que como instrumento de análise ou crítica da arte. Não obstante, notaremos a influência recíproca entre a psicanálise e a estética de seu tempo.


Palavras-chave


sublimação; arte; psicanalise; clínica; cultura

Texto completo:

PDF

Referências


BARTHES, R. O Neutro (1978). São Paulo: Martins Fontes, 2003.

BIRMAN, J. Fantasiando sobre a sublime ação. In: BARTUCCI, G. (Org.). Psicanálise, arte e estéticas de subjetivação. Rio de Janeiro: Imago, 2002. p. 89-130.

CASTIEL, S. V. Sublimação: clínica e metapsicologia. São Paulo: Escuta, 2007.

DALÍ, S. Venus de Milo com gavetas (1964). Bronze, 98.50 cm.

DUCHAMP, M. L.H.O.O.K (1919). Impressão, 10 cm X 15.

DUROZOI, G.; ROUSSEL, A. Dictionaire de philosophie. Paris: Nathan, 1990.

ESCHER, M. C. Waterfall. Litografia, 30cm X 38, 1961.

FIGUEIREDO, V. Kant: liberdade da forma e forma da liberdade. 2010. In: HADDOCK-LOBO, R. (Org.). Os filósofos e a arte. Rio de janeiro: Rocco. 2010. p. 59-78.

FREUD, S. Três Ensaios sobre a teoria da sexualidade (1905). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990a. v. 7, p. 117-230.

FREUD, S. Moral sexual “civilizada” e doença nervosa moderna (1908). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990b. Edição Standard Brasileira, v. 9, p. 155-208.

FREUD, S. Notas sobre um Caso de Neurose Obsessiva (1909). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990c. v. 10, p. 157-317.

FREUD, S. Leonardo da Vinci e uma lembrança da sua Infância (1910). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990d. v. 11, p. 59-124.

FREUD, S. Totem e Tabu (1913). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990e. v. 13, p. 17-192.

FREUD, S. Sobre o narcisismo: uma introdução (1914). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990f. v. 14, p. 85-119.

FREUD, S. Reflexões para os tempos de guerra e morte (1915). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990g. v. 14, p. 309-341.

FREUD, S. Luto e Melancolia (1917). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990h. v. 14, p. 271-291.

FREUD, S. Além do Princípio do Prazer (1920). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990i. v. 18, p. 11-85.

FREUD, S. O Ego e o Id (1923). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990j. v. 19, p.13-83.

FREUD, S. O mal-estar na civilização (1930). In: SALOMÃO, J. (Org.). Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1990k. v. 21, p. 81-178.

GRANON-LAFONT, J. A topologia de Jacques Lacan. Rio de Janeiro: J. Zahar, 1990.

JIMENEZ, M. O que é estética? São Leopoldo: Unisinos, 1999.

JONES, E. A vida e obra de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1989

JORGE, M. A. C. Fundamentos da Psicanálise de Freud à Lacan: as bases conceituais. 5. ed. Rio de Janeiro: J. Zahar, 2008. v. 1.

KAMIENIAK, J-P. Le Witz, un premier modèle pour la sublimation. Revue Française de Psychanalyse, Paris, v. 73, n. 2, p. 505-517, 2009.

LACAN, J. Escritos (1966). Rio de Janeiro: J. Zahar, 1998.

LAPLANCHE, J. Problemáticas III: a sublimação. São Paulo: Martins Fontes, 1989.

LONGINO. Do Sublime [3--?]. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

LOUREIRO, I. Sobre as várias noções de estética em Freud. Pulsional Revista de Psicanálise. São Paulo, ano XVI, n. 175, p. 23-32, nov. 2003

LYOTARD, J-F. Lo inhumano: charlas sobre el tiempo. Buenos Aires: Manantial. 1988.

MACHADO, R. O nascimento do trágico. Rio de Janeiro: J. Zahar, 2006.

MAGNO, M D. O Pato Lógico. Rio de Janeiro: Aoutra, 1979.

MICHELANGELO. David (1506). Mármore, 517cm.

PESSOA, F. Autopsicografia (1930). In: ______. Tabacaria e outros poemas. Rio de Janeiro: Ediouro, 1996. p.14.

RIMBAUD, A. Carta a Gerges Izambard (1871). Alea, Rio de Janeiro, v. 8, n. 1, jan./jun. 2006.

RIVERA, T. Arte e Psicanálise. Rio de Janeiro: J. Zahar, 2005.

SAFATLE, V. Destituição subjetiva e dissolução do eu na obra de John Cage. In: RIVERA, T; SAFATLE, V. Sobre Arte e Psicanálise. São Paulo: Escuta, 2006. p. 163-195.

SCHILLER, F. A educação estética do homem: numa série de cartas (1795). São Paulo: Iluminuras, 2013.

SOARES, M. Sublime ordinário: sublimação, elaboração e cotidiano. 2013. Dissertação (Mestrado)–Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2013.

VINCI, L. da. La giocconda (1506). Óleo sobre madeira, 77cm X 53.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

 

Apoio:



Indexadores:



Arquivamento:



Facebook: