A obesidade no processo criativo de Fernanda Magalhães

Júlia Almeida de Mello

Resumo


O presente artigo tem por objetivo trazer à tona uma reflexão sobre o corpo feminino obeso na arte contemporânea, tomando como base o projeto artístico de Fernanda Magalhães. A artista visual londrinense mostra-se híbrida na utilização de técnicas e materiais e possui uma poética autorreferencial. Apresenta projetos que podem ser tidos, entre outras coisas, como questionamentos frente ao padrão estético feminino aparentemente imposto pela mídia, cultura e sociedade, de uma maneira geral. Estende sua forma ao próprio trabalho. Inconformada com a frequente associação do obeso com algo que incomoda, que é deslocado, utiliza o corpo como protesto, posicionamento político contra a hegemonia da magreza. Suas produções permitem discussões entrelaçadas envolvendo, principalmente, arte, gênero e política.


Palavras-chave


arte; Fernanda Magalhães; obesidade; gênero; processos criativos

Texto completo:

PDF

Referências


BORDO, Susan. Unbearable Weight: feminism, western culture and the body. Berkeley e Los Angeles: University of California Press, 2003.

DEUTSCHE, Rosalyn. El rudeo museo de Louise Lawler. In: Transversal: Eipcp Multilingual Webjournal, jun. 2006. Disponível em: . Acesso em: 16 mai. 2013.

HARAWAY, Donna. Manifesto Ciborgue: ciência, tecnologia e feminismo-socialista no final do século XX. In: TADEU, Tomaz (Org.). Antropologia do ciborgue: as vertigens do pós-humano. Belo Horizonte: Autêntica, 2009. p. 33-118.

LUPORINI, Fábio. Jornal de Londrina. Londrina, ago. 2013. Disponível em: < http://www.jornaldelondrina.com.br/cultura/conteudo.phtml?id=1396888>. Acesso em: 02 out. 2013.

MAGALHÃES, Fernanda. Corpo re-construção ação ritual performance. Tese de Doutorado, Programa de Pós-Graduação em Artes da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2008. 260 p.

MAGALHÃES, Fernanda. O corpo como protesto. Zunái: Revista de Poesia e Debate, ano 7, n. 25, ago. 2012.

MOUFFE, Chantal. Prácticas artísticas y política democrática en una era pospolítica. In: Prácticas artísticas y democracia agonística. Barcelona: MAC/UAB, 2007.

PRECIADO, Beatriz; CARRILLO, Jesús. Entrevista com Beatriz Preciado, por Jesús Carrillo. Poiésis: Revista do Programa de Pós-Graduação em Estudos Contemporâneos das Artes, Universidade Federal Fluminense. Niterói, n. 15, p.47-71, jul. 2010.

RIBEIRO, Vinicios Kabral. A mulher gorda nua na fotografia: retratos e autorretratos de Fernanda Magalhães. Anais do V Seminário Nacional de Pesquisa em Arte e Cultura Visual. Goiânia, n.5, 2012.

RIBEIRO, Vinicios Kabral. Engordurando a arte contemporânea: as imagens de Fernanda Magalhães. In: Com Ciência. Revista eletrônica de jornalismo científico. Campinas, n. 144, fev. 2013.

STEARNS, Peter. Fat History: Bodies and Beauty in the Modern West. Nova York: NYU Press, 2002.

TVARDOVSKAS, Luana; RAGO, Luzia. Fernanda Magalhães: arte, corpo e obesidade. In: Caderno Espaço Feminino: Revista do Núcleo de Estudos de Gênero da Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia, v. 17, n.1, 2007.

Referências eletrônicas

MAGALHÃES, Fernanda. Conexões Arte Vida. Disponível em: http://www.pixfolio.com.br/arq/1305836609.pdf>. Acesso em: 16 mar. 2014.

MAGALHÃES, Fernanda. Fernanda Magalhães. Disponível em: http://www.flickr.com/photos/fernandamagalhaes>. Acesso em: 14 mar. 2014.

MAGALHÃES, Fernanda. Fotografias e Anotações: Blog de Fernanda Magalhães construído com trabalhos e anotações pessoais diárias desde dezembro de 2005. Disponível em: . Acesso em: 16 mar. 2014.




DOI: https://doi.org/10.22409/gambiarra.0606.13-29

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1984-4565