Detalhes em movimento ou a sobrevivência da ninfa

Luciana Marcelino

Resumo


Este artigo faz uma análise do texto de Aby Warburg de 1983 intitulado O nascimento da Vênus e a Primavera de Sandro Botticelli ” com o intuito de evidenciar outra prática historiográfica proposta por este autor. Nela, os detalhes acessórios das pinturas, como as vestimentas e os cabelos são objetos de análise evidenciando uma relação com a antiguidade clássica não mais baseada no princípio da serenidade e estaticidade das figuras, decorrente de uma visão da história da arte liderada Winckelmann. A maneira warburguiana de historiografar um olhar focado no movimento dos detalhes. A análise de tais figuras a sobrevivência dos modos de expressões antigos que configuram a fórmula de páthos da ninfa.

Palavras-chave


sobrevivência; ninfa; Aby Warburg

Texto completo:

PDF

Referências


AGAMBEN, Giorgio. Ninfas. Valencia: Kadmos, 2010.

DIDI-HUBERMAN, Georges. A imagem sobrevivente: história da arte e tempo dos fantasmas segundo AbyWarburg. Rio de Janeiro: Contraponto, 2013.

MICHAUD, Philipe-Alain. Aby Warburg e a imagem em movimento. Rio de Janeiro: Contraponto, 2013.

WARBURG, Aby. A renovação da Antiguidade pagã: contribuições científico-culturais para a história do Renascimento europeu. Rio de Janeiro: Contraponto, 2013.




DOI: https://doi.org/10.22409/gambiarra.0607.87-101

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1984-4565