Espacialidades e interações sociais: a agência de redes na "Festa do Padroeiro Bom Jesus" da comunidade quilombola de Santa Cruz (Ponta Grossa/PR)

Tanize Tomasi, Cicilian Luiza Lowen Sahr

Resumo


Através de um evento de interação social, a Festa do Senhor Bom Jesus, buscou-se compreender a espacialidade das redes sociais na Comunidade Quilombola de Santa Cruz (Ponta Grossa/PR). Para isso, adotamos metodologias e técnicas pautadas nos fundamentos da ‘Descrição densa’, de Clifford Geertz e na ‘Hermenêutica objetiva’, de Ulrich Övermann. Essas foram entrelaçadas aos conceitos de espaço/espacialidade, de Doreen Massey (2004, 2008) e Eric Dardel (2011), de redes sociais, de Ilse Scherer-Warren (2006) e Elizabeth Bott (1976), e de interação social d’Erving Goffman (1985). Dessa forma, foi possível refletir sobre as espacialidades das redes sociais da comunidade enquanto produtos de inter-relações e da multiplicidade dos nós e laços das redes, salientando a constante abertura do processo a novas conexões.


Palavras-chave


Interação Social, Espacialidade, Redes Sociais, Comunidade Quilombola, Quilombo, Santa Cruz

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/GEOgraphia2012.v14i28.a13645

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Latindex Geodados Periódicos CAPES

GEOgraphia - Revista  do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal Fluminense

Rua Gal. Milton Tavares, s/n, sala 508, Boa Viagem - Niterói - RJ,

CEP 24210-346

Periodiciodade Quadrimestral - ISSN 15177793 (impresso). Os conteúdos da Revista GEOgraphia estão licenciados em CC BY.