Cronotopoi e motivos em Dáfnis e Cloé

Aurora Gedra Ruiz Alvarez

Resumo


Este trabalho tem como objetivo investigar a presença dos cronotopoi no romance antigo, focalizando precipuamente Dáfnis e Cloé, de Longus de Lesbos (circa século II d.C.), obra inscrita no gênero “romance de aventuras de provações” segundo a classificação elaborada por Mikhail Bakhtin. No estudo dos cronotopoi serão examinados os motivos a eles relacionados e as repercussões desses recursos estéticos em obras ulteriores. Dar-se-á ênfase à análise dos modos de representação do locus amoenus, do encontro e da iniciação no amor, bem como os efeitos de sentido desses fenômenos no texto.


Palavras-chave


Dáfnis e Cloé; Cronotopos; Motivo; Locus amoenus; Iniciação no amor; Repercussões.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/gragoata.v21i41.33418

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 


A Gragoatá é uma revista dos Programas de Pós-graduação em Letras da UFF:

Ir para Pós Estudos de Linguagem Ir para Pós Estudos de Literatura


ISSN (impresso) 1413-9073 - de 1996 a 2013
ISSN (online) 2358-4114 - de 2014 em diante


A Gragoatá está indexada nas seguintes bases:

Portal de Periódicos da UFF

Latindex Porbase Google Acadêmico Diadorim Periódicos Capes EZB DOAJ Sumários.Org ErihPlus


Licença Creative Commons
A Gragoatá utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.