DE BERLIM A BUCARESTE: OS 35 ANOS QUE ABALARAM OS BÁLCÃS

Tiago Valencio de Melo

Resumo


Entre os anos de 1878 e 1913, os acontecimentos
registrados na Península Balcânica tornaram a região conhecida
como o “Barril de Pólvora” da Europa. A presente análise tem por
objetivo compreender o desenrolar dos fatos que culminaram em
tamanha instabilidade na região, analisando para tal o intervalo
entre as assinaturas do Tratado de Berlim (1878) e o Tratado de
Bucareste (1913). Este determinado intervalo permite a análise
abordar acontecimentos centrais para se compreender como se
permeiam as relações entre os Estados Balcânicos, o Império
Otomano e as demais potências europeias, uma vez que engloba o
momento do processo em que o nacionalismo passa a ganhar
força na região, a partir das vésperas da Guerra Russo-Turca em
1877 e também o momento em que os já consolidados Estados
dos Bálcãs acabam entrando em conflito interno, após a
dissolução da Liga Balcânica, em 1913. Um processo crucial para
compreender a construção do conturbado e volátil cenário político
que levou os


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.0000/hoplos.v2i2.28788

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Hoplos