Biologia da fase parasitária e de vida livre de adultos de Amblyomma cajennense (Fabricius, 1787} (Acari: lxodidae} em cães (Canis familiaris L.} sob condições experimentais

Ana Cristina Barros Cardoso, Sabrina Sylvain Ribeiro, João Luiz Horácio Faccini

Resumo


Com o objetivo de ampliar as informações sobre a relação parasito-hospedeiro e avaliar o desenvolvimento das fasesparasitária e não-parasitária de adultos de Amblyomma cajennense alimentados em cães, foram realizadas infestações, emcinco cães mestiços, utilizando-se dez casais por pavilhão auricular. A fase não-parasitária foi estudada sob condiçõescontroladas de laboratório com temperatura de 27 ± 1 oc, umidade relativa do ar superior a 70% e escotofase. O períodoparasitário médio foi de 14,93 ± 5,36 dias. Do total de 100 casais de Amblyomma cajennense utilizados, 46 fêmeas foramrecuperadas. O peso médio das fêmeas ingurgitadas foi de 324,98 ± 207,47mg e o período médio de pré-postura e posturaforam, respectivamente, de 8, 71 ± 2,40 e 16,79 ± 6,84 dias. O peso médio da massa de ovos foi de 11 0,29 ± 100, 79mg e osíndices de eficiência reprodutiva e nutricional foram de 33,67% e 52,22%, respectivamente. O período de incubação médio foide 36,79 ± 6,13 dias. O percentual de eclosão oscilou em torno de 40% e o período médio de eclosão foi de 14,36 ± 9,24 dias.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Brasileira de Ciência Veterinária - RBCV