DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS REGULATÓRIAS E RETORNO ANORMAL DE AÇÕES: UMA ANÁLISE DAS EMPRESAS DO SETOR DE ENERGIA ELÉTRICA

Jefferson Silva do Nascimento, Rodolfo Maia Rosado Cascudo Rodrigues

Resumo


Com a criação da Contabilidade Regulatória por parte da ANEEL através da resolução 396/2010, as empresas transmissoras e distribuidoras de energia elétrica passaram a serem obrigadas a divulgar as Demonstrações Contábeis regulatórias. O objetivo desta pesquisa é identificar a relação entre os lucros societário e regulatório e o retorno anormal das ações de empresas de energia elétrica. Para isso foram analisadas as demonstrações contábeis no período de 2015 e 2016 de 18 empresas de transmissão e distribuição de energia listadas na Brasil Bolsa Balcão (B3). Através da estatística descritiva e do teste t-student para teste de médias entre o lucro regulatório e societário pode-se inferir que existem diferenças significativas, apontando para o indicativo de que as diferenças na legislação em relação à elaboração das demonstrações contábeis societárias e regulatórias podem impactar de forma diferente o mercado. Além disso, a regressão pelos mínimos quadrados ordinários sugere a contabilidade regulatória como a variável que influencia o retorno anormal das ações, concluindo-se que o mercado pode estar priorizando a divulgação das demonstrações regulatórias para a tomada de decisão.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Contabilidade e Gestão Contemporânea (ISSN 2595-7287)

Universidade Federal Fluminense/RJ

Departamento de Ciências Contábeis da UFF/Niterói

Rua Mário Santos Braga, S/N, Prédio 1 - Sala da Coordenação da Graduação em Ciências Contábeis, Centro - Niterói/RJ, CEP 24.020-150.

 

                                                                                                INDEXADORES: