POLÍTICAS DE EJA NO IFES: PERCURSOS DE ESCOLARIZAÇÃO, DE PROFISSIONALIZAÇÃO E DE RESISTÊNCIA NO PROEJA

Edna Oliveira, Maria José Ferreira

Resumo


O texto explora algumas reflexões sobre a contrarreforma do ensino médio e suas implicações para a oferta da EJA, tomando como base a pesquisa documental com destaque para as tensões e historicidade de projetos societários distintos. A partir de dados de registros das práticas de construção coletiva, analisa o cotidiano escolar dos cursos do Proeja no campus Vitória com foco na escuta dos estudantes. Os resultados indicam que mesmo num contexto adverso à oferta da EJA na instituição, a ocupação dos cursos pelos trabalhadores evidencia marcas de resistência na manutenção da oferta e o exercício coletivo dos sujeitos na luta pelo direito à educação.

Palavras-chave


EJA-Proeja; políticas públicas; práticas de resistência.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/tn.16i30.p10086

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Fontes de Indexação:

        

 

Apoio:

          Resultado de imagem para abec brasil logo

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Contador de visitas
Contador de visitas

acessos a partir de 21/09/2018.