ENSINO DE FÍSICA E EDUCAÇÃO INCLUSIVA: EXEMPLO DE UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA PARA A ABORDAGEM DE CONCEITOS DA ELETRODINÂMICA

LUCIA DA CRUZ DE ALMEIDA, CAROLINA TEREZA DE ARAÚJO XAVIER, KARLA SILENE DE ARAÚJO MARINHO

Resumo


A política educacional brasileira relativa à inclusão tem alcançado o objetivo de garantir o acesso e permanência dos alunos com necessidades educacionais especiais na rede
regular de ensino. Porém, não assegura a realização desta de maneira eficaz. Geralmente, os professores demonstram despreparo, formando a principal barreira para uma educação de qualidade para todos. Assim, torna-se necessário o desenvolvimento do fazer e pensar inclusivo dos docentes em formação inicial e continuada, para que a partir de um novo olhar sobre as metodologias e recursos didáticos saibam adequá-los às novas demandas. Nessa perspectiva vem-se produzindo materiais didáticos para o ensino de Física que levam em consideração as percepções multissensoriais. Neste
trabalho apresenta-se uma sequência de sugestão didática para ensino de conceitos eletrodinâmicos, com ênfase na contextualização, aplicabilidade e uso de experimentos,
como forma de facilitar o processo de ensino e viabilizar a aprendizagem de todos para além do contexto escolar.
Palavras-chave: Educação Inclusiva, Ensino de Física, Eletrodinâmica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/esa.v5i2.61

Apontamentos

  • Não há apontamentos.