UTILIZAÇÃO DE UMA OFICINA COMO AUXÍLIO AO ENSINO NO CURSO DE NUTRIÇÃO

Paula Alves Leoni, Denise Celeste Godoy de Andrade Rodrigues

Resumo


A demanda pela qualidade da formação profissional do nutricionista tem aumentado. Enfatiza-se a necessidade de mudança na prática pedagógica e a utilização de novas metodologias para que possam emergir melhores condições de aprendizagem para os alunos. Esse trabalho teve como objetivo propor uma nova forma de se trabalhar o conteúdo da disciplina Patologia da Nutrição e Dietoterapia, que faz parte da matriz curricular do curso de Nutrição do Centro Universitário de Volta Redonda . Trata-se de uma pesquisa descritiva com abordagem qualitativa, realizada em duas etapas: de diagnóstico e de avaliação da oficina. A coleta de dados ocorreu por meio da aplicação de questionários e as respostas foram analisadas por intermédio da tematização proposta por Fontoura. Dentre os resultados obtidos, encontram-se a insegurança dos alunos quanto à relação teoria e prática e a preocupação dos mesmos de não alcançarem o entendimento necessário acerca do conteúdo proposto. Sobre a importância de haver uma nova metodologia para ser utilizada junto à referida disciplina, 86% dos alunos do 5º período e 80% do 6º responderam de forma positiva à questão. Entre os materiais de apoio que poderiam facilitar a aprendizagem, 69% dos alunos optaram pela realização de uma oficina. A análise das respostas dos alunos, que participaram da oficina, acerca da proposta metodológica utilizada demonstra que os mesmos ficaram satisfeitos e avaliaram positivamente a utilização da oficina como ferramenta de apoio ao ensino dessa disciplina Concluiu-se que os alunos almejam aulas que se diferenciem do modelo tradicional e buscam novas formas de aprendizado.

Palavras-chave: nutrição; ensino superior; oficinas de aprendizagem.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/esa.v9i3.497

Apontamentos

  • Não há apontamentos.