REPRESENTAÇÕES SOCIAIS SOBRE O MEIO AMBIENTE DE ESTUDANTES DO ENSINO PROFISSIONALIZANTE NA AMAZÔNIA SUL-OCIDENTAL

Renata Gomes de Abreu Freitas, Rosane Moreira Silva de Meirelles

Resumo


A educação ambiental tem como objeto a relação humana com o meio ambiente, o que pode favorecer a promoção de uma abordagem colaborativa e crítica das realidades socioambientais e uma compreensão contextualizada dos problemas que se apresentam. Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa que objetivou caracterizar a educação ambiental difundida na trajetória acadêmica de estudantes do ensino médio integrado à formação profissionalizante de um Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia localizado na Amazônia Sul-Ocidental e analisar suas representações acerca do meio ambiente e os problemas ambientais. Tratou-se de uma pesquisa de cunho qualitativo, para a qual se utilizaram três procedimentos para a coleta de dados: questionário, produção de desenhos temáticos e escolha livre de imagens representativas de meio ambiente. Usou-se como metodologia de interpretação dos dados a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC). Como resultado, verificou-se que a educação ambiental esteve presente no transcorrer da formação dos estudantes, sendo registrada também na educação profissionalizante. Entretanto, verificou-se, que a Educação Ambiental ocorre restrita a algumas áreas do conhecimento, assim como reduzida a ações realizadas paralelamente às atividades curriculares. Cinco categorias de discurso indicaram em primeiro momento representações limitadas de meio ambiente, e duas categorias remetem-se a representações integradas de meio ambiente, uma vez que inserem elementos humanos no contexto representado, bem como demostram compreensão de que o ser humano se apropria da natureza e que o resultado dessa relação acontece em um contexto histórico-social. Com os resultados foi possível concluir que as representações dos sujeitos investigados quanto ao meio ambiente e os problemas ambientais assemelham-se com as tendências de educação ambiental escolar pelas quais perpassaram, explicitadas por meio das atividades registradas pelos estudantes. O método do Discurso do Sujeito Coletivo, demostrou eficiência no resgate das representações, revelando como os estudantes percebem e se relacionam com o meio ambiente e os problemas ambientais no cotidiano.

 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/esa.v11i1.742

Apontamentos

  • Não há apontamentos.