Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Revista Mídia e Cotidiano é uma publicação quadrimestral do Programa de Pós-Graduação Mídia e Cotidiano e tem como objetivo central divulgar pesquisas empíricas e/ou teóricas das temáticas relacionadas ao campo da Comunicação, com ênfase na relação mídia e cotidiano. A Revista publica artigos, resenhas e entrevistas que tratam das formas de produção de sentido, circulação e recepção dos discursos e processos midiáticos no contexto das relações de poder observáveis em diversas práticas sociais da vida cotidiana.

Sua linha editorial privilegia a perspectiva crítica na análise das interações midiatizadas dos sujeitos e coletividades, tendo como fio condutor o olhar sobre acontecimentos e dinâmicas dos processos de produção midiática em suas distintas relações com a sociedade e a cultura. A Revista aceita trabalhos inéditos (ver as normas) de pesquisadores doutores (e/ou em parcerias com doutorandos, mestres e mestrandos) da Comunicação e áreas afins, sendo voltada, privilegiadamente, a estas comunidades acadêmicas, com ênfase na Comunicação. Aceita submissões em português, inglês e espanhol.

 

Políticas de Seção

Sumário

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Apresentação

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Editorial

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Artigos Seção Livre

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenhas

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigos Seção Temática

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Entrevistas

Verificado Submissões abertas Não verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

PROCESSO DE AVALIAÇÃO PELOS PARES

1. O processo de publicação dos textos submetidos à Revista Mídia e Cotidiano inclui, primeiro, uma avaliação prévia da Equipe Editorial, com o objetivo de verificar se estes estão de acordo com as normas de publicação do periódico. Em seguida, os artigos são encaminhados ao Conselho Editorial e/ou pareceristas Ad Hoc, ambos constituídos por professores e investigadores de amplo reconhecimento da área da Comunicação Social. A política de avaliação da Mídia e Cotidiano segue o processo blind peer review (“duplo-cega”, isto é, os autores não são identificados para os avaliadores e vice-versa).

2. As decisões editoriais em relação aos textos são tomadas a partir dos pareceres. Para publicação é preciso que haja dois pareceres com a mesma indicação positiva, incluindo as que solicitam “correções obrigatórias”. No caso dos dossiês, cabe ao editor ou editores convidados, a decisão final em relação à publicação ou não do artigo, após este passar pelo processo de avaliação de dois pareceristas, isto é, seguindo o processo blind peer review.

3. Alguns dos textos publicados podem, excepcionalmente, ter origem em convite encaminhado pelos Editores da Revista que, neste caso, têm responsabilidade de avaliação.

4. Todos os textos enviados à revista devem seguir as Diretrizes para Autores.

5. Como regra geral, após publicar texto na Revista Mídia e Cotidiano, o autor só poderá fazer nova submissão após um intervalo mínimo de 4 edições. Casos excepcionais são definidos pela Equipe Editorial.

6. Traduções não são consideradas inéditas, porém podem ser publicadas em alguns casos, levando em consideração o ineditismo do texto em língua portuguesa.

7. A Seção Livre recebe contribuições em fluxo contínuo e os dossiês seguem calendários definidos e disponibilizados no site da revista.
8. Artigos apresentados e publicados em anais de eventos são considerados inéditos sob a condição de que os manuscritos tenham passado por adequações como resultado das discussões sobre os trabalhos durante os eventos em que os textos foram apresentados. Se a primeira versão do texto tiver sido publicada em anais ou em repositório de preprint, pedimos que a informação seja incluída nos metadados de submissão para avaliação da pertinência (ou não) da publicação.

Assegurando a avaliação cega pelos pares

A política de avaliação da Revista Mídia e Cotidiano é "duplo-cega", ou seja, os avaliadores não conhecem o nome dos autores e estes, dos avaliadores. Como forma de garantir uma avaliação isenta do artigo, os autores devem seguir as seguintes orientações:

1. Escreva o artigo segundo as Diretrizes para Autores.

2. Neste arquivo, substitua pela palavra "Autor" todas as informações sobre o(s) autor(s), instituição de vínculo, e-mail para contato e mini currículo que constam da página de abertura. Da mesma forma, revise o texto e substitua qualquer menção ao(s) nome(s) do(s) autor(es) ou à(s) instituição(ões) de vínculo por “Autor”, seja no corpo do texto seja nas notas de rodapé, incluindo referências e citações dos próprios autores.

3. Apague o tópico “Agradecimentos” ao final do artigo, caso tenha sido digitado.

4. Em documentos do Microsoft Office, a identificação do autor deve ser removida das propriedades do documento.

5. Observar, com cuidados, as indicações nas Referências Bibliográficas onde não se deve ter, também, nenhuma indicação de autoria.  

6. Artigos submetidos à avaliação que não seguirem estas orientações serão devolvidos aos autores.

 

Periodicidade

A Revista Mídia e Cotidiano é uma publicação quadrimestral do Programa de Pós-Graduação em Mídia e Cotidiano, da Universidade Federal Fluminense – UFF. Os períodos de publicação são: janeiro-abril; maio-agosto; setembro-dezembro. 

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Conforme sua política editorial a Revista Mídia e Cotidiano oferece acesso livre e imediato ao seu conteúdo. Tal princípio de pesquisa gratuita e aberta ao público é consoante ao propósito de apoiar um maior intercâmbio global de conhecimento. Para tanto, este periódico utiliza o sistema LOCKSS o que permite  criar um sistema distribuído de arquivamento entre as bibliotecas participantes e, também, garante  às bibliotecas criar arquivos permanentes da revista para fins de preservação e restauração.

 

Código de Conduta

 

Métricas

Google Acadêmico - Artigos mais citados

OBS: Trata-se de dados indicados por temporalidade, o que explica os arquivos mais recentes serem, ainda, menos referenciados.