Anatomia óssea e muscular do antebraço e mão de Chrysocyon brachyurus (carnivora, canidae)

Saulo Gonçalves Pereira, Daniela Cristina Silva Borges, Eva Mendes Monteiro, Sandra Regina Afonso Cardoso, Adriele Laurinda Silva, André Luiz Quagliatto Santos

Resumo


O lobo-guará Chrysocyon brachyurus Illiger, 1815, é o maior canídeo da América do Sul, pesa cerca de 25 kg quando adulto e está ameaçado de extinção. Descrições anatômicas contribuem para a complementação das informações sobre espécies silvestres e para implicações conservacionistas, clínicas e cirúrgicas. Objetivou-se descrever os ossos e os músculos do antebraço e mão do lobo-guará. A preparação das peças foi feita a partir dos métodos usuais de dissecação, em animais preservados em solução de formol a 10%. Os espécimes pertencem ao acervo didático do Laboratório de Ensino e Pesquisa em Animais Silvestres da UFU e são provenientes de indivíduos atropelados. Os ossos descritos foram: rádio, ulna, ossos cárpico acessório, cárpico ulnar e cárpico intermédio; ossos cárpicos I, II, III e IV; ossos metacárpicos I, II, III, IV, V; falanges proximais, falanges médias e falanges distais do primeiro ao quinto dedo. Os músculos observados foram: extensor radial do carpo; pronador redondo; braquiorradial; extensor comum dos dedos; extensor ulnar do carpo; extensor lateral dos dedos; supinador; abdutor longo do dedo I; flexor radial do carpo; flexor profundo dos dedos; flexor superficial dos dedos; flexor ulnar do carpo; pronador quadrado; interflexor; lumbricais; abdutor curto dos dedos I e II e flexor curto do dedo I. 


Palavras-chave


lobo-guará, morfologia, miologia, osteologia, carnívoro selvagem

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Brasileira de Ciência Veterinária - RBCV