Influência da presença da fêmea sobre as características seminais do curimbatá (Prochilodus marggravii Walbaum, 1972)

Eduardo Shimoda, Dálcio Ricardo Andrade, Manuel Vazquez Vidal Junior, José Frederico Stradiotti Silva, Oscar W.F. Carballo, Gilson Mendes Cruz

Resumo


Este trabalho foi realizado com o objetivo de se verificara influência da fêmea sobre a produção seminal noscurimbatás. Foram selecionados nove machos (com altaprodução seminal) e uma fêmea (com elevado grau dematuração gonadal) que foram acondicionados nos tanquesA (cinco machos com peso médio de 142 ± 27,1 g e19,4 ± 1 ,64 em de comprimento) e B (quatro machos de22,8 ± 3,42 em de comprimento e 245 ± 97 g de pesomédio e uma fêmea). Decorridas 250 horas.graus, procedeu-se à coleta e à análise do sêmen, seguindo-se ahipofisação. Após outro período de 250 horas.grau, o sêmenfoi novamente coletado e analisado. Foi verificadasignificativa e positiva influência da fêmea (ao nível de5% de probabilidade) sobre a concentração espermáticae sobre o número de espermatozóides vivos por kg depeso vivo. Turbilhonamento, percentual de espermatozóidesvivos e volume seminal por peso de peixe nãoforam estatisticamente influenciados pela presença da fêmea.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Brasileira de Ciência Veterinária - RBCV