Crescimento ponderal de bezerras suplementadas com monensina sódica

Yuri Barbosa Guerson, Leonardo de Bruym Denadai, Caroline Sant’Anna Feitosa, Matheus Thomazini Oliveira, Thiago Freitas da Costa, Bethânia de Souza Stein, Leonardo Campos Almeida, Jeanne Broch Siqueira, Graziela Barioni

Resumo


O estudo teve como objetivo avaliar o efeito da inclusão de monensina sódica no concentrado inicial de bezerras lactantes, sobre o ganho de peso, perímetro torácico, altura de cernelha, altura de garupa e comprimento corporal. Foram utilizadas 12 bezerras divididas em dois grupos experimentais de acordo com a data de nascimento. Grupo controle sem suplementação com monensina e Grupo suplementado diariamente com 0,4 mg de monensina/ kg de peso corporal, sendo os animais acompanhados a partir dos 30 dias até os 86 dias de idade. Os parâmetros avaliados foram produtivos, com medições semanais de peso corporal, perímetro torácico, altura de cernelha, altura do garupa. Não foi observado efeito sobre o crescimento de animais suplementados. Monensina pode estimular o desenvolvimento ruminal e, consequentemente, melhorar o desempenho da produção.


Palavras-chave


ionóforos, promotores de crescimento, ganho de peso, produção

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Brasileira de Ciência Veterinária - RBCV