A CLASSE MÉDIA EM QUESTÃO: O DEBATE MARXISTA SOBRE A INSERÇÃO DE CLASSE DOS ASSALARIADOS NÃO-MANUAIS

Patrícia Trópia

Resumo


O objetivo deste artigo é discutir como o debate em torno da inserção de classe dos trabalhadores não-manuais tem sido travado dentro do campo teórico marxista. Entendemos que há, além das breves indicações presentes na obra marxiana sobre trabalhadores produtivos/improdutivos, uma longa e profícua discussão realizada pela tradição marxista que tem sido, senão desconhecida ao menos, desconsiderada por parte dos pesquisadores. Enquanto até a década de 1960, a tese predominante no campo marxista foi a da proletarização dos trabalhadores não-manuais e sua consequente inserção no proletariado, a partir de então surgem proposições que tratam os assalariados nãomanuais como uma classe específica. Os trabalhadores não-manuais são trabalhadores assalariados que realizam um trabalho investido de conteúdos simbólicos, rituais e de elementos culturais que os distinguem da classe operária. São símbolos não necessariamente reconhecidos por todos os segmentos sociais, mas reconhecidos pelos segmentos que os secretam. Vale dizer que o conceito fisiológico de trabalho não-manual deve ser superado, pois não se trata de um trabalho de quem não se esforça, que não sua, que trabalha com a cabeça. Por sua vez, o trabalhador não-manual não se restringe àquele que possui formação escolar ou ao cientista, por isso optamos pela expressão não-manuais ao invés de intelectuais. Entendemos também que esta discussão é condição necessária para que os estudos e pesquisas sobre a inserção de classe dos professores, no interior do campo crítico e marxista, se desenvolvam e expliquem, de forma eficaz, os conflitos e contradições presentes no interior da luta social dos trabalhadores em educação pela transformação da educação e da própria sociedade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/tn.6i7.p4656

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Fontes de Indexação:

  

     logo_livre2.png     https://periodicos.uff.br/public/site/images/zuleidesilveira/REDIB.jpg   

Apoio:

          Resultado de imagem para abec brasil logo             

 

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Contador de visitas
Contador de visitas

acessos a partir de 21/09/2018.