Influência do relevo nos incêndios em vegetação em Juiz de Fora (MG)

Fillipe Tamiozzo Pereira Torres, Guido Assunção Ribeiro, Sebastião Venâncio Martins, Gumercindo Souza Lima

Resumo


Os incêndios em vegetação podem provocar prejuízos irreversíveis ao ambiente, como os danos à fauna e à flora, às pessoas, além de consequências econômicas consideráveis. Para estabelecer políticas de controle e prevenção, faz-se necessário conhecer o perfil dos incêndios. Com esses dados pode-se planejar o controle de modo mais eficiente, diminuindo gastos, tempo e riscos em seu combate. Utilizando o endereço das ocorrências na cidade de Juiz de Fora (MG), foi determinada a orientação da vertente, a forma da vertente e a declividade do terreno, a fim de se analisar a influência do relevo sobre o número de eventos. Vertentes com exposição norte, com maior declividade e formas que facilitam o escoamento da água apresentam maior número de casos. A influência do relevo é confirmada também pela relação entre a direção do vento e as ocorrências. Vertentes que recebem diretamente os ventos diários predominantes apresentam maior probabilidade de ocorrências de incêndios.

Palavras-chave


Geomorfologia; Fogo; Susceptibilidade

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/GEOgraphia2016.v18i36.a13748

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Latindex Geodados Periódicos CAPES

GEOgraphia - Revista  do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal Fluminense

Rua Gal. Milton Tavares, s/n, sala 508, Boa Viagem - Niterói - RJ,

CEP 24210-346

Periodiciodade Quadrimestral - ISSN 15177793 (impresso). Os conteúdos da Revista GEOgraphia estão licenciados em CC BY.