Vozes femininas das literaturas inglesa e brasileira: o espaço da angústia

Márcia Cavendish Wanderley

Resumo


Este artigo examina a vida de três poetas - Sylvia Plath, Anne Sexton e Ana Cristina Cesar. As duas primeiras viveram suas juventudes em uma sociedade rica e liberal que acabara de sair da Segunda Guerra Mundial. Já a última começou a escrever alguns anos após o final do governo ditatorial brasileiro. Todas elas foram mulheres de vidas conflituosas que cometeram suicídio. Neste artigo, gostaríamos de resgatar sua poesia e entender as razões que levaram-nas a isto.

Palavras chave: Vozes femininas; poesia e história; poesia e gênero.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/rg.v3i1.253

Apontamentos

  • Não há apontamentos.