Compreendendo a vivência de crianças com câncer através da fenomenologia

Kassia Karina Amorim Gomes, Ewerton Helder Bentes de Castro

Resumo


O câncer é uma doença crônica que ocasiona transformações na vida de quem é acometido por essa patologia. Assim, essa pesquisa de natureza qualitativa objetivou compreender, à luz da fenomenologia, como crianças com câncer vivenciam a doença. Colaboraram com o estudo dez crianças acompanhadas pelo Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC), na cidade de Manaus. Mediante entrevistas gravadas em áudio e partindo da descrição das vivências relativas ao diagnóstico, pôde-se apreender Unidades de Significado e Categorias de Análise que possibilitaram compreender a existencialidade dessas crianças. A pesquisa revelou que esta experiência desencadeia mudanças no contexto pessoal, social e familiar da criança. Entretanto, apesar de todo o sofrimento físico e emocional causado pelo adoecimento, as crianças creem em sua recuperação e conseguem ver um horizonte repleto de possibilidades para seu futuro. Portanto, ser-criança-com-câncer é uma experiência dolorosa, plena de transformações radicais, mas com possibilidades de aprendizado e superação.

 

 


Palavras-chave


Criança; Câncer; Fenomenologia-Existencial; Vivência

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/ayvu.v2i2.22202

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

A Ayvu: Revista de Psicologia tem por objetivo favorecer a produção e a livre circulação de ideias que contribuam para a construção de uma Psicologia concernida com sua diversidade interna, suas múltiplas interfaces, o exame crítico de si e de seu tempo, assim como suas implicações teóricas e éticas. Para tanto, opera em regime de fluxo contínuo, publicando artigos originais e inéditos, traduções, entrevistas e resenhas.

Convidamos todas e todos que compartilham dos nossos objetivos a conhecer nossas publicações, e a contribuir com a produção de novos materiais.

Boas leituras!


Equipe editorial

Ana Cabral Rodrigues, Universidade Federal Fluminense (UFF)

Augusto Cesar Freire Coelho, Universidade Federal Fluminense (UFF)

Camilo Barbosa Venturi, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Gustavo Cruz Ferraz, Universidade Federal Fluminense (UFF)

Thiago Constâncio Ribeiro Pereira, Universidade Federal Fluminense (UFF)