Um estudo de caso sobre o perfil do empreendedor nos negócios apoiados pela Yunus Negócios Sociais no Brasil

Daniele Cintra Malpelli, Irene Ciccarino, Ana Beatriz Gomes de Mello Moraes

Resumo


Idealizado por Muhammad Yunus (Nobel da Paz em 2006, pela criação do Grammen Bank), os Negócios Sociais unificam em um único modelo impactos socioambientais positivos e sustentabilidade econômico-financeira, sem a distribuição de dividendos. Estes são destinados à expansão dos próprios empreendimentos ou novas iniciativas de mesmo caráter. Foi realizada uma pesquisa ampla de caráter qualitativo, operacionalizada por entrevistas em profundidade com avaliadores e empreendedores de Negócios Sociais brasileiros da aceleradora Yunus Negócios Sociais. Com base no referencial teórico de inovação social, empreendedorismo, avaliação de projetos sociais e de impacto, o estudo identificou por meio de análise de conteúdo, os principais fatores que influenciam a avaliação de negócios sociais: Potencial de Impacto; Perfil do Empreendedor; e Sustentabilidade econômico-financeira. O presente artigo apresenta um recorte dessa pesquisa, concentrando-se na apresentação dos estudos de caso da aceleradora e de três negócios sociais, no intuito de caracterizar o perfil empreendedor, eixo essencial para os demais fatores. Esse perfil é caracterizado pelos seguintes elementos: paixão pelo negócio social; inovador social com propósito em maximizar o impacto socioambiental; empatia e gestão participativa; autoconhecimento para formar equipe complementar e autonomia nos negócios. Através da análise destes elementos, o estudo buscou contribuir com uma nova base de análise para futuras investigações e pesquisas. Além de descrever o perfil do empreendedor social brasileiro incentivado pela Yunus Negócios Sociais.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.32888/cge.v5i2.12714

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexadores

sumarios_1_696            


ISSN 2318-9231