Guerreiro Ramos: trajetória e interlocutores

Autores

  • André Luiz Kopelke Instituto Federal Catarinense
  • Nadja Aires Universidade Federal de Santa Catarina
  • Sérgio Luís Boeira Universidade Federal de Santa Catarina

Resumo

Este estudo objetiva resgatar parte da trajetória e das ideias de Guerreiro Ramos a partir de relatos e teses de alguns de seus interlocutores brasileiros entre meados da década de 1970 e início da década de 1980, na Universidade Federal da Santa Catarina (UFSC) e na University of Southern California (USC). Utilizou-se pesquisa bibliográfica, documental e a metodologia da história oral temática, em entrevistas gravadas com os interlocutores. São esclarecidos motivos e circunstâncias que viabilizaram o retorno de Guerreiro Ramos ao Brasil após o fim do período de cassação de seus direitos políticos. São descritos os fundamentos e objetivos do curso de pós-graduação em Planejamento Governamental na UFSC, em parceria com o governo catarinense e com a USC. São examinadas as teses de docentes, os seus vínculos com a Teoria da Delimitação de Sistemas Sociais e ressaltada a atualidade da contribuição para uma administração pública sustentável em termos sociais, econômicos e ambientais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Luiz Kopelke, Instituto Federal Catarinense

Professor do Instituto Federal Catarinense (IFC) Campus Ibirama. Doutorando do programa de pós-graduação em Administração da UFSC.

 

Sérgio Luís Boeira, Universidade Federal de Santa Catarina

Professor do Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal de Santa Catarina.

Downloads

Publicado

2017-06-28

Edição

Seção

Artigos/Papers