Ritmos enredados da vida em Dakar. Sujeito, comunidade e tempo em La poubelle (1984), de Pape Pathé Diop

Susanne Goumegou

Resumo


O presente trabalho demonstra a partir da análise do romance La poubelle (1984) de Pape Pathé Diop que a descrição de estruturas e funções da cidade do Sul global requer não apenas categorias espaciais, mas também temporais. Partindo das metáforas norteadoras transitividade, ritmo diário e footprint effects („efeitos de pegada“) desenvolvidas pelos geógrafos urbanos Amin und Thrift (2002), assim como do conceito de time of entanglement de Achille Mbembes, serão analisados os diferentes regimes e enredamentos temporais que se mostram relevantes na relação do sujeito com a comunidade em Dakar. Através do nível da temporalidade, o retrato de Dakar no romance de Diop consegue integrar a dimensão histórica e os enredamentos globais da cidade.

Palavras-chave


Cidade no Sul global; Temporalidade; Entanglement

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.22409/contracampo.v36i3.1083

Apontamentos

  • Não há apontamentos.