A História Oral como recurso metodológico

Autores

  • Marta Regina Maia

DOI:

https://doi.org/10.22409/contracampo.v0i15.550

Palavras-chave:

jornalismo, entrevista, História Oral, metodologia e processos mediáticos e culturais

Resumo

O propósito deste artigo é discutir, em especial, como o jornalista pode fugir de determinados vícios de pauta e captação dos meios de comunicação que, mesmo gerando uma imensa quantidade de informações, acabam focando estas mesmas informações nos centros de poder - seja político, econômico, social ou cultural - reduzindo assim o espectro de pessoas e fontes que alimentam o fazer jornalistico. O profissional da área, ao estabelecer uma relação dialógica entre entrevistador e entrevistado, ao diversificaras fontes no processo de captação, ao utilizar como recurso metodológico a História Oral, mesmo que utilize esses recursos em momentos específicos, pode contribuir para uma visão mais polissêmica do real. Esta preocupação é relevante na medida em que os meios de comunicação, em especial os meios impressos, tornam-se também importantes fontes de pesquisas para as gerações futuras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-12-01