Reflexões para uma nova agenda de esquerda a partir de Rosa Luxemburg e Antonio Gramsci.

Autores

  • FABIO GENTILE Universidade Federal do Ceará UFC

Resumo

O objetivo deste texto é refletir sobre uma nova agenda de esquerda a partir das contribuições de Rosa Luxemburgo e Antônio Gramsci. Após o fim do comunismo em 1989, a esquerda se entregou – embora com alguns ajustes - ao novo ciclo do capitalismo, marcado pela globalização financeira de cunho neoliberal. É preciso então repensar a esquerda ao nível mundial, colocando no foco de um novo projeto ideológico-politico a classe trabalhadora, a luta de classe e a defesa do que esta sobrando dos direitos sociais conquistados entre a segunda guerra mundial e a década de Setenta. Nesta perspectiva teórico-prática, a obra de Rosa Luxemburgo e Antonio Gramsci continua sendo ainda hoje um patrimônio inestimável de reflexões teóricas e de práxis revolucionaria.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

FABIO GENTILE, Universidade Federal do Ceará UFC

prof associado do depto de ciencias sociais da UFC

Publicado

2020-09-21