O PLANETA TERRA E O ANTROPOCENTRISMO: REFLEXÕES SOBRE O SENTIDO DA HISTÓRIA

Autores

  • Massimo Sciarretta Professor Associado de História Contemporânea na Università degli Studi del Molise (UNIMOL/Itália). https://orcid.org/0000-0002-7647-8970

Resumo

O presente texto busca analisar historicamente as causas político-culturais bem como socioeconômicas que ocasionaram a emergência da questão ecológica contemporânea. Neste sulco, destacamos o papel da corrente historiográfica denominada como Big History, a qual conduz, há alguns anos, uma crítica contundente do antropocentrismo subjacente aos estudos historiográficos clássicos, que circunscrevem o início das dinâmicas históricas ao comparecimento do Homem e que em torno da mera trajetória humana trançam o fil rouge da História do planeta como um todo.  Finalmente, levantamos algumas opiniões sobre a nova função que a coletividade é chamada a exercer para não continuar condenando ela mesma e a Terra à inação e à impotência diante dos estragos atuais.   

Palavras-chave: Meio-ambiente; antropocentrismo; Big History.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Massimo Sciarretta, Professor Associado de História Contemporânea na Università degli Studi del Molise (UNIMOL/Itália).

Foi Professor Adjunto de História do Mundo Contemporâneo da Escola de História da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO).

Downloads