As Estórias dentro da História: mapeando a nação no Museu da Revolução de João Paulo Borges Coelho

Autores

  • Sandra Sousa University of Central Florida. Orlando, Flórida, Estados Unidos https://orcid.org/0000-0003-1571-0323
  • Sheila Khan Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Braga, Portugal e Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Vila Real, Portugal https://orcid.org/0000-0002-8391-8671

Palavras-chave:

Colonialidade. Pós-Memória. Reparação Histórica. Dever de Memória.

Resumo

Museu da Revolução, o mais recente romance do escritor moçambicano João Paulo Borges Coelho, oferece ao leitor uma indagação sagaz e minuciosa sobre como lidar de uma forma ponderada e reparadora com o passado moçambicano na sua relação com os legados da colonialidade na pós-colonialidade. Acompanhando o escritor neste exercício complexo e plural do reconhecimento de outras estórias, narrativas e memórias construídas como menores dentro de uma História maior, o presente artigo pretende articular com a mundanidade pós-colonial o emergente vigor dos estudos da pós-memória. Com precisão, na sua capacidade de interagir com a ancestralidade colonial e decolonial sob uma perspetiva da reparação histórica, do dever de memória e da cidadania estética e cívica atenta à compreensão e desconstrução de velhas lógicas sobreviventes da colonialidade no presente pós-colonial humano global.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sheila Khan, Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Braga, Portugal e Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Vila Real, Portugal

É socióloga, investigadora do Centro de Estudos em Comunicação e Sociedade (CECS) da Universidade do Minho. Doutorada em Estudos Étnicos e Culturais pela Universidade de Warwick e Professora Auxiliar Convidada na Universidade do Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD). As suas mais recentes publicações são: “Portugal a lápis de cor. A sul de uma pós-colonialidade” (Almedina, 2015); “Visitas a João Paulo Borges Coelho. Leituras, Diálogos e Futuros” (com Nazir Can, Sandra Sousa, Leonor Simas-Almeida e Isabel Ferreira Gould, Colibri, 2017); “A Europa no Mundo, o Mundo na Europa. Crise e Identidade” (com Rita Ribeiro e Vítor Sousa, Editora Húmus, 2020); e, “Racism and Racial Surveillance. Modernity Matters” (com Nazir Can e Helena Machado, London: Routledge, 2021).

Downloads

Publicado

2022-09-06

Como Citar

Sousa, S., & Khan, S. (2022). As Estórias dentro da História: mapeando a nação no Museu da Revolução de João Paulo Borges Coelho. Gragoatá, 27(59), e53261. Recuperado de https://periodicos.uff.br/gragoata/article/view/53261