Espetáculo à mesa: midiatização da cozinha nos reality shows de gastronomia

Autores

  • Viviany Moura Chaves Universidade Federal do rio Grande do Norte (UFRN) https://orcid.org/0000-0002-9654-7152
  • Alexsandro Galeno Araújo Dantas Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Departamento de Ciências Sociais, Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais. https://orcid.org/0000-0001-5103-0339

DOI:

https://doi.org/10.22409/rmc.v14i2.40326

Palavras-chave:

Espetáculo, Midiatização, Gastronomia, Cultura.

Resumo

Os reality shows tem conferido uma visibilidade midiática ao tema da gastronomia, configurando-se numa estratégia convidativa para unir dois fortes elementos: o comer e o jogar. O estudo analisou sobre como a cozinha, em um cenário midiático, se tornou um espetáculo televisivo contemporâneo. Desta problematização, observou-se que o reality show gastronômico é a construção de um ideal de cozinha mediada por imagens e, portanto, feita para os olhos, numa frágil concepção mítica que investe no comer pela via imagética. Assim, a cozinha midiática pode ser compreendida como a concretização do espetáculo, sob a perspectiva de Guy Debord, apresentada de forma maquiada e distante da realidade que não pode ser alcançada, exceto por uma experiência vicária.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Viviany Moura Chaves, Universidade Federal do rio Grande do Norte (UFRN)

Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Mestre em Ciências Sociais pela mesma instituição (2018), graduada em Nutrição pela Universidade Federal de Campina Grande (2016). Atua como professora substituta do Departamento de Nutrição da UFRN (Campus Central), onde também presta assessoria como nutricionista ao Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição do Escolar (CECANE/UFRN).

Alexsandro Galeno Araújo Dantas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Departamento de Ciências Sociais, Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais.

Professor associado da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, coordenador do Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais e Presidente da Cooperativa Cultural Universitária. Graduou-se em Geografia na UFRN, é Mestre em Ciências Sociais pela mesma instituição e Doutor em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Tem Pós-Doutorado pela Universidade de São Paulo na área de linguística, letras e artes.

Referências

AMARAL, Renata Maria do. Contra a gourmetização da vida. Art Fliporto - Revista de cultura e ensaios, v.3, p. 118-123, 2013.

BARTHES, Roland. Cocina ornamental. In: BARTHES, Roland. Mitologías. Madri: Ed. Siglo XXI, p.78, 2009.

BOURDIEU, Pierre. A distinção: crítica social do julgamento. São Paulo: Edusp; Porto Alegre: Zouk, 2007.

BRAGA, José Luíz. Sobre mediatização como processo interacional de referência. In: Encontro anual da compós - Anais, Bauru: Compós, 2006.

CANESQUI, Ana Maria. Pesquisas qualitativas em nutrição e alimentação. Revista de Nutrição, v. 22, n. 1, p. 125-139, 2009.

COLLINS, Kathleen. Watching What We Eat: The evolution of television cooking shows. New York: Continuum, 2009.

DEBORD, Guy. A Sociedade do Espetáculo. Rio de Janeiro: Contraponto, 1997.

DORTIER, Jean-François. Dicionário de Ciências Humanas. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2010.

FISCHLER, Claude. El (h)omnívoro: el gusto, la cocina y el cuerpo. Barcelona: Editorial Anagrama, 1995.

RIGOTTI, Francesca. A filosofia na cozinha. São Paulo: Ideias & Letras, 2016.

GO FOOD. Entrevista com Paola Carosella. Programa Salomão Schvartzman. YouTube. 22 de nov de 2016. Disponível em: < https://www.youtube.com/watch?v=5UWavpZV3Jo>. Acesso em: 25 mar de 2018.

GOMES, Pedro Gilberto. Midiatização: um conceito, múltiplas vozes. Revista FAMECOS, v. 23, n. 2, p. 1, 2016.

GUPTILL, Amy E; COPELTON, Denise A; LUCAL, Betsy. Food and Society: Principles and Paradoxes. 1. ed. Malden, MA: Polity Press, 2013.

HAN, Byung-Chul. La sociedad de la transparencia. Barcelona: Herder, 2013.

JACOB, Helena Maria Afonso. Gastronomia, culinária e mídia: estudos dos ambientes midiáticos e das linguagens da comida e da cozinha. Tese de Doutorado. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - São Paulo, 2013.

JACOB, Michelle. O sabor em Roland Barthes: literatura e alimentação. In: MARQUES, Alfredo Henrique Oliveira. Barthes (im)pensado. Natal: Editora do IFRN, 2016.

JENKINS, Henry. A Cultura da Convergência. 2 ed. São Paulo: Editora Aleph, 2009.

KARPIK, Lucien. Resenha do livro - O mercado das singularidades. Revista de Economia Agrícola, São Paulo, v. 55, n. 1, p.107-115, 2008.

KILPP, Suzana. Audiovisualidades do voyeurismo televisivo. Porto Alegre: Zouk, 2008.

LA CECLA, Franco. La pasta e la pizza. Bolonha: II Mulino, 1998.

LAVINAS, Eleonora Leite Costa. A narrativa “espetacularizada” dos reality shows de gastronomia. In: Anais Intercom - XXXVIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, Rio de Janeiro, 2015.

LAZARSFELD, P. F; BERELSON, B; GAUDET, H. The peoples’s choice: how the voter makes up his mind in a presidential campaign. 3ª ed. New York: Columbia University Press, 1969.

LÉVI-STRAUSS, Claude. A origem dos modos à mesa (mitológicas 3). São Paulo: Cosac Naify, 2006.

LIEBES, Tamar; KATZ, Elihu. The export of meaning: Cross-Cultural Reading of “Dallas”. 2 ed. Cambridge: Polity Press, 1993.

LIPOVETSKY, Gilles. A era do vazio: ensaio sobre o individualismo contemporâneo. Lisboa: Relógio D’Água, 1989.

MARCONDES FILHO, Ciro (Org). Dicionário de comunicação. São Paulo: Paulus, 2009.

MCBRIDE, Anne. E. Food porn. Gastronomica: The Journal of Food and Culture, v.10, n. 1, p.38-46, 2010.

MORIN, Edgar. O desafio humano da comunicação. In: PENA-VEGA, Alfredo; et. al. (Orgs.). Edgar Morin: ética, cultura e educação. São Paulo: Cortez, p. 124, 2003.

NEXO JORNAL. A história do 'gourmet' com Paola Carosella. YouTube, 19 de jan de 2018. Disponível em: < https://www.youtube.com/watch?v=bSj4LKqA01c>. Acesso em: 25 mar 2018.

ROSE, Diana. Análise de imagens em movimento. In: BAUER, Martin W; GASKELL, George. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2007.

SANT'ANNA, Denise Bernuzzi de. Bom para os olhos, bom para o estômago: o espetáculo contemporâneo da alimentação. Revista Pro-Posições, v. 14, n. 2 (41), p. 41-42, 2003.

THOMPSON, Jonh. A mídia e a modernidade: uma teoria social da mídia. 5 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998.

TONIN, Juliana. O espetáculo não é o coveiro da razão: mídia e autonomia em Gilles Lipovetsky. In Texto (UFRGS Online), n. 31, p.1-15, 2014.

VASCONCELOS, Francisco de Assis Guedes de. Os arquivos brasileiros de nutrição: uma revisão científica em nutrição no Brasil (1944-1968), Caderno de Saúde Pública, v. 15, n. 2, p. 303-16, 1999.

Downloads

Publicado

2020-05-28