O chapéu de Beckett

Helena Martins

Resumo


Este texto encontra na escrita de Samuel Beckett ocasião para pensar a linguagem, o sentido, a metáfora. Concentra-se na tensão entre o resoluto empenho do escritor em afastar-se de toda lingua­gem figurada e sua igualmente decidida disposição para a provocação simbólica: seus textos não cessam de convidar a leituras figurativas, ainda que somente para escapulir a elas, frustrá-las, suspendê-las sistematicamente. Não raro, essa estratégia é tomada como sinal de um radical ce­ticismo linguístico: Beckett estaria evidenciando a ausência de qualquer hors-text, revelando o caráter, em última instância, autorreferente da linguagem. Busca-se aqui uma outra maneira de reclamar o legado do escritor, um ângulo sob o qual a linguagem possa emergir mais radical­mente dissociada da referência, porque afastada até mesmo da autorreferência. Assim orientado, o trabalho enfoca um importante dispositivo beckettiano de provocação simbólica, a saber, a ênfase recorrente dada a certos objetos. Privilegia-se a insistência de Beckett no chapéu. Mostra-se que suas provocações figurativas em torno desse objeto nos dão oportunidade para ver a relação entre as palavras e as coisas, e entre o literal e o metafórico, de uma forma que apresenta afinidades surpreendentes com o perspectivismo, assim como elaborado pelo antropólogo Eduardo Viveiros de Castro, em suas reflexões acerca do pensamento e da vida dos povos ameríndios.


Palavras-chave


Beckett. Linguagem. Metáfora. Perspectivismo

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/gragoata.v14i26.33128

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 


A Gragoatá é uma revista dos Programas de Pós-graduação em Letras da UFF:

Ir para Pós Estudos de Linguagem Ir para Pós Estudos de Literatura


ISSN (impresso) 1413-9073 - de 1996 a 2013
ISSN (online) 2358-4114 - de 2014 em diante


A Gragoatá está indexada nas seguintes bases:

Portal de Periódicos da UFF

Latindex Porbase Google Acadêmico Diadorim Periódicos Capes EZB DOAJ Sumários.Org ErihPlus


Licença Creative Commons
A Gragoatá utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.