Edições anteriores

  • Volume 17 - Jul/Dez 2020
    v. 17 (2020)

    Esta edição da Ensaios é dedicada à memória do professor Luiz Antonio Machado da Silva, um dos pioneiros nos estudos de sociologia urbana abordando temáticas como favela, habitação e violência. Mais uma das centenas de milhares de vítimas da Covid-19 aqui no Brasil, o professor Machado, que nos deixou no dia 21 de setembro de 2020, desenvolveu o conceito de “sociabilidade violenta”, presente em diversos de seus livros. Entre os artigos selecionados para este número, destacam-se dois trabalhos apresentados no VIII Seminário Fluminense de Sociologia. O primeiro deles, apresentado no GT “Religião, arte e política”, analisa o tratamento dado por Fiedrich Engels aos fenômenos religiosos. Já o segundo, que compôs o GT “Sociologia Econômica”, reflete sobre a implementação de empreendimentos eólicos no Brasil e seus conflitos.

  • Volume 16 - Jan/Jun 2020
    v. 16 (2020)

    Ciente de que o setor cultural tem sido dura e covardemente atacado na conjuntura atual, a Ensaios achou por bem dar espaço para alunas e alunos do Programa de Pós Graduação em Cultura e Territorialidades da UFF mostrarem seus trabalhos. Para abrir a edição, a revista traz entrevista com Marina Bay Frydberg, na qual a professora do PPCult-UFF e doutora em Antropologia Social pela UFRGS fala sobre regionalidades, identidades e formas de viver por intermédio da arte. Entre os artigos, há reflexões sobre o ensino do choro, análise sobre o feminejo, a vertente feminina do estilo musical conhecido como sertanejo, estudo sobre colonialidade na dança da kizomba e ainda os múltiplos conceitos da gambiarra utilizados em territórios periféricos.

  • Volume 15 - Jul/Dez 2019

    Produzido em contexto de constantes ataques a professores de todos os níveis, este número da Ensaios é dedicado à Educação, que tem sido ainda mais solapada por conta do negacionismo ativo do presidente da República, nestes duros tempos de pandemia. Ao optar por este tema, além de valorizar o patrimônio simbólico da intelectualidade brasileira ligada à Educação, também visamos a homenagear pensadores que atuaram nesta área do conhecimento, tais como Paulo Freire, Darcy Ribeiro e Anísio Teixeira, tão duramente demonizados e desqualificados por parte de setores da sociedade ligados a fundamentalistas religiosos, grupos políticos autoritários e ultralibeirais. Este volume, portanto, apresenta recorte de pesquisas de licenciandos, licenciados, mestres e doutores, cujo intuito é proporcionar um panorama diverso de como o campo científico e de atuação tem pensado a questão educacional no Brasil.

  • Volume 14 - Jan/Jun 2019

    Assim como no volume anterior, esta edição da Ensaios apresenta variedade de temas, abordando diversos problemas sociais e sociológicos. Significa dizer que, embora a sociologia seja a ciência orientadora dos trabalhos aqui reunidos, não se trata, porém, de uma Sociologia, mas de sociologias. Portanto, trataremos aqui da multiplicidade da ciência. Um dos destaques deste número é a entrevista do professor doutor Luiz Carlos Fridman, na qual ele conta um pouco de sua experiência acadêmica de mais de 35 anos e dos estudos com grandes nomes das Ciências Sociais brasileira, como Otávio Velho, José Sérgio Leite Lopes, Afrânio Garcia Jr, além de sua passagem pelo Museu Nacional.

  • Volume 13 - Jul/Dez 2018

    Por entender que a diversidade amplia as possibilidades de compreensão da realidade, na medida em que alarga o repertório metodológico, discursivo e conceitual, que consolida a base epistemológica comum da Sociologia, apresentamos uma edição marcada pela multiplicidade temática, onde se fazem presentes, entre outros, os campos da Literatura, da Estética e da Sociologia Política. Merece destaque também artigo sobre o currículo das Ciências Sociais na UFF, à luz de apontamentos feitos pelos egressos da Universidade. O intuito principal do trabalho é refletir sobre a questão curricular dos cursos de ciências sociais no Brasil.

  • Edição especial - 10 anos da Revista Ensaios

    Fundada em 2008, por Carlos Douglas Martins Pinheiro Filho e Rodrigo Ribeiro, discentes do curso de Ciências Sociais da UFF, que objetivavam criar um espaço para alunas e alunos poderem publicar artigos acadêmicos com parte de suas pesquisas, a Revista Ensaios completa 10 anos. Desde então, além de se transformar em espaço para a formação de editores científicos, a Ensaios passou também a acolher trabalhos advindos da pós-graduação, vinculando-se ao Programa de Pós-Graduação em Sociologia (PPGS-UFF). Para festejar a data, produzimos o volume mais completo até aqui. Além dos oito artigos, um ensaio, uma resenha e uma entrevista, esta edição traz de volta a seção “poemas”, e uma novidade: a seção “registro de pesquisa”. Para festejar, além dos artigos, as reproduções das capas da Ensaios estão distribuídas em meio à produção textual.

  • Volume 11 - Jul/Dez 2017

    Responsáveis por enorme contribuição não somente à Sociologia e ao pensamento social brasileiro mas a diversos campos do conhecimento, como a História e a Literatura, em particular, a Ensaios aproveita esta edição para homenagear os autores Ricardo Benzaquen de Araújo e Antonio Candido, ambos falecidos em 2017. Além dos sete artigos com temas variados, este número traz “Dois humanistas brasileiros: Antonio Candido e Ricardo Benzaquen”, no qual Carmen Felgueiras, professora aqui do Departamento de Sociologia da UFF e também do Iuperj, comenta a vida desses dois grandes personagens da história brasileira.

  • Volume 10 - Jan/Jun 2017

    A Ensaios é uma revista  especializada em Ciências Sociais, porém acreditamos em uma Ciência Social em diálogo constante com a práxis humana. Portanto, o que pretendemos é fomentar o olhar crítico em interação com diversos espaços, estabelecendo conexões entre os múltiplos níveis e instâncias da realidade social. Sendo assim, neste número, entre outros campos do conhecimento, contamos com artigos que versam sobre Cinema, Educação, História, Literatura e Psicologia. Já o ensaio, que encerra esta edição, aborda o Pathos dionisíaco na obra Lavoura Arcaica, de Raduan Nassar.

  • Dossiê Pensamento Social Brasileiro - Volume 9 - 2015

    Constituindo-se como uma revista de caráter interdisciplinar, a Revista Eletrônica Ensaios é um espaço voltado para a publicação de trabalhos acadêmicos de alunos da graduação e da pós-graduação da área de ciências humanas, e que se propõe a contribuir e estimular a produção de trabalhos científicos. É com este propósito que apresentamos ao leitor  o nono volume com o dossiê Pensamento Social Brasileiro. Os artigos apresentados neste volume são resultado de pesquisas voltadas à compreensão da formação da sociedade brasileira, transitando pela sociologia, antropologia, história, literatura, economia, geografia, administração, entre outras áreas.

  • Volume 8 - Arte, educação, cultura, comunicação e novas tecnologias - 2015

    A Revista Ensaios tem como propósito contribuir para a divulgação científica dos estudos produzidos no campo da ciências humanas e é com este propósito que apresentamos ao leitor o oitavo volume. Este número é composto por 15 trabalhos acadêmicos apresentados no III Seminário Fluminense de Sociologia, realizado em novembro de 2014, nos espaços da Universidade Federal Fluminense. Neste volume, os artigos foram divididos em dois grandes eixos temáticos, que dialogam dialeticamente entre si. O primeiro é sobre arte, educação e cultura, e o segundo sobre comunicação e novas tecnologias. Todos os assuntos pertinentes a esses dois eixos temáticos devem ser pensados, debatidos, refletidos, submetidos e analisados como objetos de estudos, com investigações minuciosas e criteriosas, que nos permitam compreender, com o máximo de profundidade, suas redes de relações sociais e os aspectos que os influenciam, bem como identificar suas capacidades de influenciar outras configurações sociais.

  • Dossiê Grandes eventos, desenvolvimento, desigualdade e diferença na sociedade Brasileira - Volume 7 - 2014

    Constituídos de artigos apresentados no III Seminário Fluminense de Sociologia, realizado sob o mesmo tema, este dossiê é constituído de 20 trabalhos sobre os estudos urbanos nas ciências sociais, com foco nos grandes eventos ocorridos no Brasil recentemente, como a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos. As produções abordam, sobretudo, as desigualdades e contradições geradas nestes processos que tentaram “vender” a ideia de que tanto o Rio de Janeiro como o país viveriam dias de grandes oportunidades para o desenvolvimento social. Os trabalhos aqui presentes visam não somente a analisar os impactos causados por esses megaeventos, mas, principalmente, dimensionar seus desdobramentos.

  • Tecendo Redes - v. 1, n. 6 (2012)

    Ampliar redes de autores, de leitores e de conhecimento, por intermédio de trabalhos acadêmicos produzidos em diversas partes do país, é um dos muitos objetivos da Ensaios. E é justamente ele que dá norte a esta edição. Colocando a teoria na prática, este número traz artigos construídos, por exemplo, no Rio Grande do Sul, em Alagoas e no Rio de Janeiro. E eles, como proposto, ainda abrangem diversas áreas do pensamento, tais como a psicologia, a música e a pedagogia. Entre os ensaios, destacam-se os que abordam a sexualidade e o erotismo na história do Brasil e as formas de estímulo às nossas múltiplas inteligências.

  • Dossiê Pierre Bourdieu - v. 2, n. 5 (2011)

    Elaborado por estudantes de Ciências Sociais da Universidade Estadual do Ceará, este número da Revista Ensaios é dedicado a Pierre Bourdieu, autor referência para o pensamento acadêmico internacional. Abre a edição, tradução da entrevista concedida por Roger Chartier à Revue Sciences Humaines, feita pela professora Kadma Marques, também da UECE. Entre os artigos, o pensamento do sociólogo francês sedimenta reflexões a respeito dos mais variados objetos, tais como a chacina de Realengo, o filme Billy Elliot e a questão indígena e a produção musical de Milton Nascimento. Fecha a edição, resenha de Images d’Algérie - Une affinité élective, obra póstuma do Bourdieu, não traduzida no Brasil até esta edição da Ensaios.

  • Extensões - v. 1, n. 5 (2011)

    Com muito orgulho, a Ensaios apresenta, nesta edição, a formalização da parceria firmada com o Laboratório de Pesquisa em Mídias Audiovisuais, da Universidade Estadual do Ceará (LAMIA/UECE). E, para festejar, ela traz artigos sobre o impacto de três incêndios para a reforma urbana da cidade de Erechim (RS) e sobre a importância da abordagem da orientação sexual em escola pública, da psicologia do trânsito e do processo grupal como agente de mudança em mães adotivas. Há também ensaio a respeito da influência da imagética na estilística e um poema que fala sobre as delícias de andar de bicicleta.

  • Renovações - v. 2, n. 4 (2010)

    Não cabemos mais em nós mesmos, queremos mais do que ser um espaço livre de expressão do conhecimento produzido por estudantes. Novas demandas, novos questionamentos estão lançados. Ser Revista é fazer revista. Esta é a dimensão norteadora desta edição da Ensaios. Entre os trabalhos, destacam-se a educação e a imprensa feminina no sertão mato-grossense, entre 1937 e 1945; a atuação de garçonetes em um espaço masculino; e as reflexões sobre o estado da arte e da cultura em determinados territórios da América Latina e sobre a existência humana, ou seja, sobre o projetar-se do ser no mundo.

  • Reforçando Conexões - v. 2, n. 3 (2010)

    Com o interesse principal de reforçar vínculos entre diversos objetos de estudo e múltiplas formas de pensar, esta edição da Revista Ensaios faz da diversidade matéria-prima. Nela, há trabalhos que abordam o simbolismo como fio condutor entre a espontaneidade da loucura e elementos da gravura chinesa, a visão pedagógica da construção da nação nos quadros da história do século XX e os parâmetros sociolinguísticos do português falado em Natal. Além da tradução de um conto de origem tibetana, tem também ensaios que falam sobre as mulheres chinesas e a noção de liderança política em Pierre Bourdieu.

  • Intersecções (Edição Especial) - v. 1, n. 2 (2009)

    Foi grande a quantidade de trabalhos de alto nível que ficou fora da edição anterior da Revista Ensaios. Por conta disso, resolvemos produzir a Intersecções Edição Especial. Para além da qualidade dos artigos aqui contidos, outras três razões importantes motivaram este trabalho: nossa participação no Congresso Brasileiro de Extensão Universitária (CEBEU) e na organização de um Fórum de Revistas de Estudantes de Graduação, no Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS); e também a conquista do 1º lugar no Prêmio Josué de Castro, na Semana de Extensão da Universidade Federal Fluminense. Trazemos em nossas páginas virtuais, artigos concentrados essencialmente nas áreas de Sociologia, Antropologia e História, além de um poema.

  • Intersecções - v. 1, n. 1 (2008)

    A empreitada de criar a Revista Ensaios teve início no primeiro semestre de 2007. Ela surge da necessidade apresentada pelo corpo discente, sobretudo pelas alunas e alunos da graduação, de ter um canal de comunicação que o auxiliasse não apenas na exposição de ideias mas também na prática da escrita acadêmica e no estreitamento de relações profissionais. Acreditando ser a diversidade veículo eficaz para a expansão da experiência e socialização do conhecimento científico, a Ensaios traz, nesta primeira edição chamada Intersecções, além de poemas e um ensaio sobre escritores da liberdade, entrevista com a professora Laura Graziela abordando a difusão do saber na internet e também artigos contendo reflexões sobre artes plásticas, consenso de Washington, ambulantes no espaço público, políticas de minorias e políticas culturais, e até sobre o legado político da obra de Henfil para a sociedade brasileira. Vida longa a Revista Ensaios! Ela merece!