Ensino por investigação

uma leitura por meio da matriz 3x3 e dos focos da aprendizagem docente

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22409/resa2020.v13i3.a29099

Resumo

Neste artigo trazemos os resultados de uma pesquisa que buscou interpelar alguns professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental a respeito do que compreendiam por ensino por investigação e de que forma esse ensino por investigação interferia em sua prática pedagógica para o ensino de Ciências. Utilizamos para a análise dos dados dois instrumentos: a Matriz 3x3 e os Focos da Aprendizagem Docente (FAD). Considerando os procedimentos da Análise de Conteúdo (Bardin, 2011) chegamos a diversas conclusões, entre elas destacamos: as maiores concentrações de unidades de análise estão nas categorias estabelecidas a priori para o ensino por investigação – Engajamento dos alunos (26,7%) e Busca por informações pelos alunos (43,3%); as relações destacadas para tais categorias foram eminentemente epistêmicas; quanto aos focos, dois deles predominaram: Conhecimento prático da docência e Reflexão sobre a docência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-02-20

Edição

Seção

Artigos