A noção de desenvolvimento como eixo estruturante para a reflexão sobre temáticas socioambientais: contribuições de três campos de conhecimento

Tatiana Galieta

Resumo


Este artigo, de caráter teórico, pretende contribuir para a reflexão sobre as temáticas socioambientais em espaços formais de educação baseando-se em análises sobre a noção de desenvolvimento a partir de três campos de conhecimento: os Estudos CTS (Ciência-Tecnologia-Sociedade), a Educação Ambiental (de vertente crítica) e os Estudos Decoloniais (derivados do Grupo Modernidade/Colonialidade). Situa-se a discussão no contexto latino-americano evidenciando a ideia de que o capitalismo (moderno e contemporâneo) institui-se, concomitantemente, ao desenvolvimento da Ciência e da Tecnologia nos países do Norte global à custa da exploração dos recursos naturais do Sul global. A análise encontra-se organizada em três seções: relação colonialidade/modernidade e natureza; ciência e tecnologia modernas e a exploração do ambiente; a falácia do desenvolvimento (sustentável). Ao final são apresentados alguns possíveis encaminhamentos para a Educação Científica e Tecnológica.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/resa2020.v0i0.a40215

Apontamentos

  • Não há apontamentos.