Super-wiki: um olhar sobre cultura da convergência, inteligência coletiva e cultura participativa a partir do seriado supernatural

Autores

  • Gabriela Gruszynski Sanseverino
  • Ana Cláudia Gruszynski

DOI:

https://doi.org/10.22409/ppgmc.v12i2.10054

Palavras-chave:

Super-wiki, Inteligência Coletiva, Internet, Fandom.

Resumo

O presente artigo propõe uma reflexão sobre as páginas de wiki dos fandoms, especificamente a Super-wiki do seriado Supernatural, como um exemplo de inteligência coletiva (LÉVY, 2000) e cultura participativa no contexto da cultura de convergência (JENKINS, 2009). Para tanto, realizaremos uma análise empirica do site Super-wiki e de episódios especificos da série que referenciam diretamente interação dos fãs o seriado. Utilizaremos também a pesquisa documental de notícias sobre o programa e buscaremos acionar conceitos da nosso referêncial teórico, como convergência, inteligência coletiva e cultura participativa na Internet, de forma pensarmos sobre como estas relações entre o fandom e o seriado se desenvolvem. Entendemos que a convergência, e em par a cultura participativa e a inteligência coletiva, são conceitos essencias para compreendemos as comunidades virtuais de fãs, como Super-wiki, e consideramos que a Internet e as mídias digitais alteram as relações entre o fandom e o seriado, assim como entre os fãs e os produtores da série.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABRAMS, J.J. (Criador). Lost. [Série de Televisão]. 2004. Estados Unidos: ABC Studios.

COCA, A. P.; SANTOS, A. T. Formatos de Ficção Seriada Televisual: Tradições e Perspectivas. In: Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, Foz do Iguaçu, PR, 2013. Anais… Foz do Iguaçu: Intercom, 2013. Disponível em: <http://www.intercom.org.br/papers/regionais/centrooeste2010/resumos/R21-0142-1.pdf> Acesso em: 12 mar. 2017.

FISKE, J.; HARTLEY, J. Reading Television. Nova York: Routledge, 2004.

HILLS, Matt. Fan Cultures. New York: Routledge, 2002.

JENKINS, H. 1992. Textual poachers: Television fans and participatory cultures. London: Routledge, 1992.

JENKINS, H. Cultura da convergência. 2. ed. São Paulo: Aleph, 2009.

JENKINS, H. Supernatural: first impressions. Confessions of an aca-fan. [S.I.], 14 jan. 2007. Disponível em: <http://henryjenkins.org/blog/2007/01/supernatural.html> Acesso em: 01 mai. 2018.

JOST, F. Do que as séries americanas são sintoma? Porto Alegre: Sulina, 2012.

KRIPKE, E. (Criador). Supernatural. [Série de Televisão]. 2005. Estados Unidos: Warner Bros Television.

LÉVY, P. A inteligência coletiva: por uma antropologia do ciberespaço. 3. ed. São Paulo: Loyola, 2000.

MARTÍN-BARBERO, J. Dos meios às mediações: comunicação, cultura e hegemonia. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 1997.

MITTEL, J. Sites of Participation: Wiki Fandom and the Case of Lostpedia. In: Transformative Works and Cultures, v. 3, 2009. Disponível em: <http://journal.transformativeworks.org/index.php/twc/article/view/118/117> Acesso em: 10 mai. 2018.

RAIMI, S.; SCHULIAN, J.; STEWART, R.J.; TAPERT, R. (Criadores). Xena: The Warrior Princess. [Série de Televisão]. 1995. Estados Unidos: Warner Bros Television.

ROSS, S.M. Beyond the box: Television and the Internet. Malden, MA: Blackwell, 2008.

SILVA, L. A representação do Brasil nos seriados televisivos norte-americanos. In: Analecta, Guarapuava, PR, v.12, n. 1, pp. 49 – 70, 2014.

TULLOCH, J.; JENKINS, H. Science fiction audiences: Watching "Doctor Who" and "Star Trek." New York: Routledge, 1995.

WHEADON, Joss. (Criador). Buffy: The Vampire Slayer. [Série de Televisão]. 1996. Estados Unidos: Twentieth Century Fox.

Downloads

Publicado

2018-08-31

Como Citar

Gruszynski Sanseverino, G., & Gruszynski, A. C. (2018). Super-wiki: um olhar sobre cultura da convergência, inteligência coletiva e cultura participativa a partir do seriado supernatural. Revista Mídia E Cotidiano, 12(2), 51-58. https://doi.org/10.22409/ppgmc.v12i2.10054