Revista Cantareira

A Cantareira é um periódico semestral do corpo discente do Instituto de História da Universidade Federal Fluminense e recebe trabalhos inéditos, teóricos ou empíricos, que contribuam para o desenvolvimento da pesquisa no campo historiográfico. Além das contribuições para o Dossiê Temático, a revista recebe artigos, resenhas e transcrições documentais em fluxo contínuo.

Notícias

 

Chamada para publicação de artigo em Dossiê Temático "Mundos do Trabalho" (n. 34, jan. 2020)

 

Revista Cantareira, edição nº 34 (jan. 2020)

Dossiê: Mundos do Trabalho

Organizadores: Clarisse Pereira (PPGH/UFF) e Heliene Nagasava (CPDOC/FGV)

Prazo de recepção dos trabalhos: 20 de julho de 2020

O campo de pesquisa dos Mundos do Trabalho sofreu, nos últimos anos, uma renovação. As mudanças sociais que desde pelo menos a última década do século XX afetam as relações de trabalho impactaram as pesquisas sobre esta temática e fez surgir novas discussões historiográficas. As discrepâncias salariais entre homens e mulheres, brancos e negros, o assédio no ambiente de trabalho, as alterações na legislação trabalhista e a perda de direitos, o processo de superexploração e o trabalho análogo ao de escravo, assim como o relacionamento institucional com órgãos internacionais, como a Organização Internacional do Trabalho, são evidências da relevância do tema e da necessidade de aprofundamento de seus estudos.

Se inicialmente a História Social do Trabalho estava centrada na compreensão da organização sindical, partidos políticos e relações entre os trabalhadores e os empregadores (especialmente nos trabalhadores homens, urbanos e fabris), hoje, ela ampliou o escopo das suas temáticas e temporalidades. O campo de estudo passou a se preocupar em entender a experiência dos trabalhadores na sua multiplicidade, considerando marcadores como gênero, etnicidade, raça, nacionalidade e regionalidade, geração, pertencimento religioso e orientação sexual. Neste sentido, as experiências dos trabalhadores são levadas em consideração pelos estudos e são conectadas a outros processos históricos. Questionar como o gênero afeta o exercício do trabalho ou como a regionalidade marca divisões e acesso a oportunidades, por exemplo, são caminhos fundamentais para a produção de uma historiografia que dê conta da diversidade dos Mundos do Trabalho. As novas pesquisas mostram que, para além de diferentes fontes, é essencial fazer diferentes perguntas aos documentos. Para olhar para pessoas e relações que não foram evidenciadas pela historiografia tradicional é preciso questionar e quebrar o olhar naturalizado. É necessário olhar para as diferentes estratégias de luta e sobrevivência construídas pelos trabalhadores e trabalhadoras.

Diante da pluralidade do campo, o dossiê Mundos do Trabalho abre chamada para trabalhos que busquem discutir as diferentes experiências históricas do trabalho, trabalhadores e seus marcadores sociais, as formas de produção, seus espaços de sociabilidade e cultura, e sua organização de classe e participação política, assim como o seu relacionamento com as instituições, em períodos democráticos ou ditatoriais.

A Revista Cantareira – periódico do corpo discente da Universidade Federal Fluminense – convida, então, à chamada de artigos para a sua 34ª edição. Aos que tiverem interesse em colaborar, as normas e processo para publicação estão elencadas nas Diretrizes para os autores.

Os artigos para o dossiê, assim como as demais contribuições, devem ser enviados, exclusivamente, via sistema OJS.

 
Publicado: 2020-03-29 Mais...
 

Próximas edições: dossiês temáticos

 

A Comissão Editorial informa ao público e aos demais interessados que as próximas edições da Revista contarão com dois dossiês temáticos:

  • Fascismos e novas direitas (N. 33, jul.-dez. 2020. Recepção dos textos até 20 de fevereiro)
Organizadoras:Bárbara Aragon (PPGH/UFF) e Milene de Figueiredo (PPGH/PUC-RS)
  • Mundos do Trabalho (N. 34, jan.-jun. 2021. Recepção dos textos entre junho e julho de 2020)
Organizadoras: Clarisse Pereira (PPGH/UFF) e Heliene Nagasava (CPDOC/FGV)

Em breve publicaremos o cronograma para envio dos textos, como também as orientações gerais. Reforçamos que os trabalhos devem seguir as Diretrizes para os Autores, cf. informado em momento anterior.

Se já está a rascunhar um texto, deixe-o preparado!

Recordamos que o fluxo contínuo não tem prazo determinado para submissão.

Atenciosamente,

Comissão Editorial

 
Publicado: 2020-02-10 Mais...
 

Revista Cantareira | Faça sua inscrição em nosso site e não perca nenhuma novidade

 

Quer estar sempre atento às novidades da Cantareira? Não deixe, então, de fazer sua inscrição em nosso site.

Simples, rápido e fácil, o cadastro na plataforma do periódico permite que você seja sempre avisado quando das nossas publicações, chamadas e outras notícias. Nesse espaço, ademais, doutorandos e doutores podem assinalar suas linhas e objetos de investigação, com a devida marcação da categoria de “avaliador”. Assim, além de ampliar nossa base de dados de pareceristas, poderemos traçar uma radiografia dos pesquisadores mais afeitos ao fascículo.

Não deixe para mais tarde! O cadastro não leva mais do que três minutos.

Basta clicar em http://periodicos.uff.br/cantareira/user/register e preencher as informações. Lembre-se que, após a submissão da inscrição, as informações poderão ser editadas facilmente.

 
Publicado: 2020-01-02 Mais...
 
Outras notícias...

n. 31 (2019): O esporte em tempos de exceção: práticas desportivas e ações políticas durante as ditaduras na América Latina no século XX

Sem abrir mão da interdisciplinaridade, o presente dossiê procura analisar os estudos sobre o esporte – e, de forma mais específica, sobre o futebol – existentes em tempos de exceção, durante as ditaduras na América Latina, no século XX. A história do esporte já superou a ideia de que seu campo de estudo pertencia, primordialmente, aos profissionais ligados exclusivamente à sua prática ou ao estudo delas, como os atletas e profissionais da educação física. O presente dossiê, nesse sentido, compreende o esforço de estimular e reunir trabalhos que trazem reflexões sobre a diversidade cultural de um fenômeno que, cada vez mais, requer diferentes campos de saberes para sua a compreensão. Antropólogos, sociólogos e posteriormente historiadores vêm, pelos menos desde a década de 1970, debruçando pesquisas sobre as práticas esportivas e suas ações culturais e políticas, bem como a maneira como essas ações se relacionam com o momento político vivido.

Sumário

Apresentação

O esporte em tempos de exceção: práticas esportivas e ações políticas durante as ditaduras na América Latina (séc. XX)
Aimée Schneider, Nathália Fernandes
PDF

Dossiê Temático

Raphael Rajão Ribeiro
PDF
Lucas Salgueiro Lopes
PDF
Juliana Nascimento da Silva
PDF
Edson Pimentel da Silva
PDF
Aimée Schneider, Nathália Fernandes
PDF

Artigos Livres

Fernanda Palo Prado
PDF
Acson Gusmão Franca
PDF

Resenha

Milena Pinillos Prisco Teixeira
PDF