TÉCNICAS DE CONCENTRAÇÃO, RELAXAMENTO E AUTOCONSCIÊNCIA NA ESCOLA PÚBLICA: as experiências extracurriculares que colaboram com um currículo intercultural no ensino médio

Cátia Pereira Duarte, José Francisco Fernandes Júnior

Resumo


A entrada no Ensino Médio representa um novo e especial momento na vida de muitos estudantes em que, aos poucos, aparecerão novidades, desafios e descobertas, acompanhadas de sensações de insegurança, ansiedade, expectativa e cobrança por desempenho. Este texto relata vivências colaborativas entre profissionais da Educação Física e da Psicologia que, por meio de um currículo intercultural, desenvolveram técnicas de concentração, relaxamento e autoconsciência com 75 alunos de Ensino Médio de uma escola pública de Juiz de Fora (MG). Por meio de jogos cognitivos na escola, massagens com aparelhos e meditação em áreas verdes da cidade, elaboramos ágoras (módulos) semanais por trimestre do ano letivo, buscando bem-estar e qualidade de vida dos alunos, objetivos que foram alcançados, conforme indica a análise de conteúdo das avaliações das aulas.


Texto completo:

ENG (English) PORT

Referências


BARANYI, Lucas. Menos estresse e mais memória: 7 benefícios do contato com a natureza. Viva Bem. Disponível em: . Acesso em: 16 abr. 2019.

BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BUSNELO, Fernanda de Bastani; SCHAEFER, Luiziania Souto; KRISTENSEN, Christian Haag. Eventos estressores e estratégias de coping em adolescentes: implicações na aprendizagem. Revista Semestral da Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE). v. 13, n. 2, jul/dez. 2009, p. 315-323. Disponível em: . Acesso em 11 mar. 2019.

CANDAU, Vera Maria (Org.). Didática crítica intercultural: aproximações. Petrópolis: Vozes, 2012.

CASSAR, Mario-Paul. Manual de Massagem Terapêutica. São Paulo: Manole, 2001.

COLÉGIO DE APLICAÇÃO JOÃO XXIII. Projeto Coletivo de Trabalho. Juiz de Fora, 2006 (mimeo).

COLÉGIO DE APLICAÇÃO JOÃO XXIII. Filosofia do colégio João XXIII. Juiz de Fora: Parte institucional da agenda escolar, 2010. Disponível em: . Acesso em 16 set. 2017.

DISITZER, Marcia. Meditação é adotada em escolas e beneficia crianças e adolescentes. Jornal O Globo. 3 jul. 2018. Disponível em: . Acesso em: 19 mar. 2019.

DUARTE, Cátia Pereira (org.). Caderno didático: saberes docentes em Educação Física. 2. ed. Juiz de Fora: C. E. João XXIII, 2015. . Acesso em 04 de jul. 2018.

FAGUNDES, Paula Resende; AQUINO, Magno Geraldo; PAULA, Alessandro Vinícius. Pré-vestibulandos: percepção do estresse em jovens formandos do ensino médio. Akrópolis - Revista de Ciências Humanas da UNIPAR. Umuarama, v. 18, n. 1, p. 57-69, jan./mar. 2010.

FERREIRA, Paula. Estudantes brasileiros estão entre os mais ansiosos do mundo. Jornal O Globo. 19 abr. 2017. Disponível em: . Acessoem: 19 mar. 2019.

GIROUX, Henry A. & McLAREN, Peter. Formação do professor como uma contra esfera pública: a pedagogia radical como uma forma de política cultural. In: MOREIRA, Antônio Flávio; SILVA, Tomaz Tadeu da (Orgs.). Currículo, cultura e sociedade. 2. ed. São Paulo: Cortez, 1995. p. 125-153.

GONZAGA, Luiz Ricardo Vieira. Enfrentando provas escolares: relações com problemas de comportamento e rendimento acadêmico no ensino médio. 2016. 259 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - PUC Campinas, Centro de Ciências da Vida, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Campinas, SP, 2016. Disponível em: . Acesso em: 11 mar. 2019.

LONDE, Patrícia Ribeiro; MENDES, Paulo César. A influência das áreas verdes na qualidade de vida urbana. Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde. jun. 2014. ISSN: 1980-1726Disponível em: . Acesso em: 16 abr. 2019.

NÓVOA, António. Os professores e a sua formação. 2 ed. Lisboa: Dom Quixote, 1995.

PAGGIARO, Patrícia Bergantin Soares. CALAIS, Sandra Leal. Estresse e escolha profissional: um difícil problema para alunos de curso pré-vestibular. Contextos Clínicos. jul./-dez. 2009. Disponível em: . Acesso em: 19 mar. 2019.

PIMENTEL, Mônica Espíndola Zapala. O efeito do Yoga na qualidade de vida dos alunos da educação profissional tecnológica: uma perspectiva omnilateral para a educação. 2019. 150 f. Dissertação (Programa de Pós-graduação Stricto Sensu de Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica). Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais, Rio Pomba, 2019.

RAMOS, Daniela Karine; ROCHA, Natália Lorenzetti da. Jogos cognitivos em pequenos grupos: contribuições às habilidades cognitivas. Revista Retratos da Escola. Brasília, v. 11, n. 20, p. 277-294, jan./jun. 2017. Disponível em: . Acesso em 19 mar. 2019.

SPITZCOVSKY, Débora. Escola troca punições por momentos de meditação (e casos de mau comportamento diminuem). The Greenest Post. 26 set. 2016. Disponível em: . Acesso em 19 mar. 2019.

TERRA, Dinah Vasconcellos. Orientação do trabalho colaborativo na construção do saber docente: a perspectiva do planejamento coletivo do trabalho pedagógico (PCTP). Movimento (ESEFID/UFRGS). Porto Alegre, v. 10, n. 1, p. 157-179, dez. 2007. ISSN 1982-8918. Disponível em: . Acesso em: 14 set. 2018.




DOI: https://doi.org/10.22409/mov.v0i11.32890

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Cátia Pereira Duarte, José Francisco Fernandes Júnior

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 Fontes de indexação:

                                                                              

 

 

Apoio:

 

                                                                   

   

 

                              

 

 

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

click counter
click counter
click counter