Humor e melancolia: montagem poética - uma entrevista com o poeta brasileiro Francisco Alvim

Autores

  • Deyse dos Santos Moreira Universidade Federal Fluminense - UFF Sorbonne Université - Paris IV

DOI:

https://doi.org/10.22409/cadletrasuff.v31i61.44149

Palavras-chave:

Poesia brasileira contemporânea, Francisco Alvim

Resumo

A entrevista que segue foi realizada em junho de 2018.  Nela, Francisco Alvim relata sua trajetória e influências literárias, comenta a concepção de alguns livros e poemas, tecendo reflexões sobre a linguagem poética no geral e sua própria escrita, próxima de recursos como a montagem e a teatralidade. Movendo-se entre o evidente e o encoberto, entre o humor e a melancolia, o cenário fragmentário de seus poemas desloca nosso olhar, desentranhando cenas de desajuste e de mal-estar por detrás do riso e das expressões feitas. Diante disso, o leitor é convidado a articular as fissuras, os entrechos, as diferentes camadas da linguagem, como se a montagem pudesse lançar outras luzes às cenas, ao mundo, desenhando contornos que ainda não tiveram lugar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Deyse dos Santos Moreira, Universidade Federal Fluminense - UFF Sorbonne Université - Paris IV

Doutoranda em Estudos Lusófonos pela Sorbonne Université, sob a orientação do professor Michel Riaudel (Sorbonne Université), codireção da professora Sandra Teixeira (Université de Poitiers) e cotutela da professora Ida Alves (Universidade Federal Fluminense). Associada aos laboratórios de pesquisa CRIMIC (Centre de Recherches Interdisciplinaires sur les Mondes Ibériques Contemporains, Sorbonne Université), CRLA-Archivos (Centre de Recherches Latino-Américaines, Archivos, Université de Poitiers) e NEPA (Núcleo de Estudos de Literatura Portuguesa e Africana, Universidade Federal Fluminense). Desenvolve pesquisa sobre poesia contemporânea brasileira e portuguesa. Tese intitulada Alegoria e melancolia nas obras de Francisco Alvim e de Luís Quintais. Mestre em Estudos Lusófonos pela Université Sorbonne Nouvelle Paris 3 (2013), onde desenvolveu pesquisa sobre a obra poética de Luís Quintais, estando associada ao Centre de Recherches sur les Pays Lusophones (CREPAL). Em 2012, realizou parte dos estudos do mestrado na Faculdade de Letras da Universidade do Porto como bolsista Erasmus Mundus. Bacharel em Letras pela Universidade de São Paulo (2011), foi diretora científico-cultural da Associação dos Pesquisadores e Estudantes Brasileiros na França (APEB-Fr) na gestão de 2012.

Downloads

Publicado

2020-12-15

Edição

Seção

Dossiê