Texto literário e modos de organização do discurso: uma análise semiolinguística do conto fantástico 'Sonata', de Erico Verissimo

Jorge de Azevedo Moreira

Resumo


Propomos um estudo relacionando as características do gênero literário fantástico aos modos de organização do discurso, de acordo com a teoria semiolinguística de Patrick Charaudeau. Segundo Tzvetan Todorov, o fantástico caracteriza-se pelo efeito de hesitação produzido no texto. Torna-se importante examinar, então, de que modo esse efeito se insere nos modos de organização narrativo e descritivo. Utilizaremos o conto Sonata, de Erico Verissimo, a fim de ilustrar nossas ideias a esse respeito.


Palavras-chave


análise do discurso; semiolinguística; literatura fantástica; Erico Verissimo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/gragoata.v24i50.34185

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 


A Gragoatá é uma revista dos Programas de Pós-graduação em Letras da UFF:

Ir para Pós Estudos de Linguagem Ir para Pós Estudos de Literatura


ISSN (impresso) 1413-9073 - de 1996 a 2013
ISSN (online) 2358-4114 - de 2014 em diante


A Gragoatá está indexada nas seguintes bases:

Portal de Periódicos da UFF

Latindex Porbase Google Acadêmico Diadorim Periódicos Capes EZB DOAJ Sumários.Org ErihPlus


Licença Creative Commons
A Gragoatá utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.