Entrelaçando história e literatura: uma análise da repressão ao candomblé através da obra Jubiabá de Jorge Amado na década de 1930

Leonardo Dallacqua de Carvalho

Resumo


Este artigo analisa a utilização de uma obra literária como fonte de pesquisa histórica, bem como os desafios do historiador na análise de aspectos reais e fictícios, a fim de explorar algumas questões históricas que são muito importantes para a pesquisa. Alguns profissionais na universidade acreditam que o uso da literatura como fonte para o historiador é muito controverso, por outro lado, o diálogo entre literatura e história é uma grande oportunidade para analisar um momento histórico, e as obras literárias podem contribuir para o sucesso da pesquisa. Por esta razão, o livro usado como fonte para este artigo é um romance brasileiro escrito por Jorge Amado, Jubiabá, que discute a repressão da religião candomblé na Bahia, em 1930.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.